SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADOLESCENTES (3) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) ADULTOS (9) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇARIO (10) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE BETEL JOVENS (37) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (73) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (153) CLASSE MATERNAL (104) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (506) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Fome (1) Galeria de Fotos (12) Gospel (285) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (10) Israel (18) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (148) MODISMOS (2) Mundo (610) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3156) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (230) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (111) REVISTA CLASSE JUNIORES (243) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (190) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (408) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (599) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

12 março 2014

Condições para se tornar uma Bênção


Muitos gostariam de ser uma bênção, mas faltam-lhes condições para isto. Porém, Elias as possuía em sua vida. Quais eram?

1. Elias era justo.

O apóstolo Tiago escreveu a respeito dele: “A oração feita por um justo”, Tg 5.16. A justiça que Elias possuía não era dele mesmo. Ele havia sido justificado junto ao ALTAR DE DEUS, quando sacrificava pelos seus pecados, abraçando as promessas sobre o Messias que havia de vir, Hb 11.13. Deus, que faz concerto com sacrifícios, Sl 50.5, também justificou Elias pela fé, e assim ele podia praticar justiça, Hb 11.33. Foi por meio de sua vida justa que Elias pôde representar, diante do mundo, o Deus que é justo, Sl 145.17; Dt 32.4.

Elias permaneceu firme na sua justiça num tempo em que muitos tinham perdido a coragem para isto. Conforme a Palavra de Deus, havia 7000 que não se dobraram perante Baal, 1 Rs 19.18. Isto, para eles, foi uma vitória pessoal, porém, eles não possuíam nenhuma força para representar Deus diante do povo que coxeava entre dois pensamentos, 1 Rs 18.21. É somente por meio da justiça de Deus em nossa vida, que temos entrada ás bênçãos da graça de Deus, Rm 5.1,2, sem a qual ficamos sem condições de servi-lo, Mt 2.8,9.

2. Elias possuía o pode de Deus, 2 Rs 2.9.

A sua experiência deste poder não era uma coisa passageira, mas permanecia sobre ele e dominava todas as atividades de seu Ministério. Os moços que o acompanhavam (filhos dos profetas), falavam, de experiência própria, sobre “o espirito de Elias”, 2 Rs 2.15.

No tempo do Novo Testamento, também, chamado “Ministério do Espírito”, 2 Co 3.8, Deus quer que os seus servos possuam esse poder através do batismo com o Espírito Santo, Lc 24.49; At 1.8. Coisa nenhuma poderá, jamais, substituir esse poder na vida dos que desejam ser um bênção. Não basta recebe-lo uma vez, mas convém que vivamos e andemos em Espírito, Gl 5.25.

3. Elias era um homem de oração.

A Bíblia diz a respeito dele: “orou outra vez”, Tg 5.18. A oração de Elias era muito potente porque orava conforme a vontade de Deus, 1 Jo 5.14,15; Tg 5.17,18. A viúva, conforme a parábola de jesus, pedindo de acordo com a justiça, podia fazê-lo com insistência, Lc 18.3,7,8. Quando nós oramos “segundo Deus”, Rm 8.27, alcançamos vitória; isto porque oramos “segundo a sua vontade”, 1 Jo 5.14,15. Elias orava com insistência, 1 Rs 18.42-46. Oração de poder exige tempo. Jesus foi, também nisto, um exemplo para nós, Lc 6.12. A Bíblia mostra outros exemplos, como Samuel, 1 Sm 15.11; Daniel 10.2,12; Paulo, Cl 1.13; 1 Ts 1.2; etc. Carecemos deste poder na oração, para assim podermos vencer a resistência dos demônios, Ef 6.10, 1 Co15.32.
fonte http://jornal-da-assembleia.blogspot.com.br/

Lição 4, Os Atributos do Ser Humano

  1 º Trimestre de 20 20 -  A Raça  Humana -  Origem, Queda e Redenção - Comentarista CPAD - Pr  Elienai Cabral Complementos, Ilustr...