SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

29 dezembro 2015

Israel para Brasil: aprove embaixador israelense ou enfrente crise diplomática

Do jornal Jerusalem Post
A persistência contínua do Brasil em não aprovar a nomeação de Dani Dayan, ex-líder de assentamento, como embaixador de Israel levará a uma crise diplomática entre os dois países, avisou Tzipi Hotovely, vice-ministra das Relações Exteriores, no domingo.
Tzipi Hotovely
O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu anunciou a nomeação de Dayan em agosto, mas o Brasil tem desde então recusado aprová-la, com o governo brasileiro sofrendo pressão de palestinos e de círculos da extrema esquerda em Israel e no Brasil, para não aceitar a nomeação porque Dayan vive em Ma’aleh Shomron — além da Linha Verde — e é ex-líder do Conselho das Comunidades Judaicas da Judeia e Samaria.
Hotovely disse que nunca houve um caso em que a nomeação de um embaixador israelense não tivesse sido aceita por um país anfitrião por causa das posições ideológicas do candidato.
Ela atribuiu a situação à profunda crise política em que o Brasil se acha atualmente, com a presidente Dilma Rousseff enfrentando processos de impeachment e precisando de todos os votos — inclusive da extrema esquerda que está defendendo a medida de rejeitar Dayan — para permanecer no poder.
Hotovely disse que Israel vai agora tornar pública sua campanha para que Dayan seja aprovado, e usará todos os meios disponíveis para a aprovação, inclusive fazendo uma campanha pública no Brasil, mobilizando a comunidade judaica ali.
Essas medidas serão tomadas, ela afirmou, para dizer ao governo do Brasil que Dayan é “um homem que é respeitável, digno e aceito entre todas as classes políticas de Israel.” O governo israelense, ela disse, usará essas medidas para dizer ao Brasil: “Aprove-o, pois se não aprovar, haverá uma crise entre os dois países, e não vai valer a pena chegar a esse ponto.”
Depois de haver permanecido em silêncio durante meses sobre o assunto, Dayan disse na noite de sábado numa entrevista no Canal 2 que a questão não era uma questão bilateral entre Israel e Brasil, mas em vez disso uma questão clássica de BDS (boicote, desinvestimento e sanções contra Israel), usada e abusada por ativistas BDS em Israel, entre palestinos e no Brasil.
Dayan disse que embora Israel tenha adotado uma abordagem silenciosa sobre o assunto, os palestinos estão em plena atividade tentando sabotar a nomeação dele, com Saeb Erekat, o principal negociador da OLP (Organização para a Libertação da Palestina [entidade terrorista islâmica]), “envolvido até o pescoço no assunto.”
Traduzido e editado por Julio Severo do original em inglês do jornal israelense Jerusalem Post: Hotovely to Brazil: Approve Dayan, or face “crisis in relations” with Israel