SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

16 setembro 2016

VAMOS JUNTOS RUMO À MAIOR DE TODAS AS CONQUISTAS


INTRODUÇÃO: Texto bíblico principal: Filipenses 3:12-16


1. As pessoas, geralmente, gostam de competir desde a infância. Ninguém gosta de perder.
2. As pessoas gostam de ganhar, até mesmo os adultos. Do contrário não existiria olimpíadas e paraolimpíadas/paralimpíadas, onde se investe muitos recursos.


O apóstolo Paulo enxergava a vida cristã como uma corrida. A pessoa salva era como aquela que tinha acesso ao lugar de corrida. Ela não corria para salvar-se; ao ser salva, recebe permissão para correr. Você está correndo? Nessa corrida tem regras, precisa-se de disciplinas, tem alvo e também tem prêmio. Não há maior conquista do que vencer essa corrida.

I. A GRANDE CONQUISTA COMEÇA COM A INSATISFAÇÃO CONSIGO MESMO – Filipenses 3:12

1. Uma consciência de que cada crente convertido precisa desenvolver sua condição espiritual é um pré-requisito para alcançar o prêmio da perfeição espiritual: “Não que eu o tenha já recebido ou tenha já obtido a perfeição”.
2. Uma consciência de já ter alcançado o limite do desenvolvimento espiritual torna o crente satisfeito consigo mesmo, torna-se acomodado, insensível a seus pecados e um raquítico na fé, um sedentário espiritual, ou seja, será um perdedor.
3. Uma consciência do quanto ainda falta para chegar ao ideal de Deus, que é ser semelhante a Cristo, criará em nós o desejo de prosseguir na corrida cristã. Após cerca de 30 anos de conversão, Paulo revela sua insatisfação com sua condição espiritual.

II. PARA ALCANÇAR A GRANDE CONQUISTA DEVE-SE AVANÇAR COM A MÁXIMA DEDICAÇÃO – Filipenses 3:12

1. Na vida cristã é preciso empenho total. Essa ênfase está presente no Antigo e no Novo Testamento (Deuteronômio 6:5; Mateus 22:37).
2. Na vida cristã a corrida exige um esforço constante. A ideia da palavra em grego “prossigo” é de esticar todos os músculos e usar todas as habilidades do corpo para “conquistar aquilo para o que também [fomos] conquistados por Cristo”.
3. Na vida cristã somos conquistados por Cristo para sermos semelhantes a Ele: Esse processo toma tempo, aliás, nunca o alcançaremos plenamente aqui neste mundo; portanto, até o último dia de vida ou até a segunda vinda de Cristo teremos de dedicar-nos ao máximo nessa corrida.

III. A GRANDE CONQUISTA DEPENDE DE SENSO DE DIREÇÃO E FOCO – Filipenses 3:13

1. O crente deve reconhecer que o alvo ainda está distante, independente do quanto tenha corrido. Não existe impecabilidade ou perfeição (teleios) no sentido pleno da palavra aqui neste mundo. Paulo reitera:“Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado”.
2. O crente, após reconhecer o quanto precisa avançar, observa duas atitudes:

a) Esquece as coisas que para trás ficam, sejam elas boas ou más, positivas ou negativas.
b) Avança para as coisas que estão a sua frente, para uma meta, um alvo estabelecido por Cristo, não por si mesmo.

3. O crente que se esforça ao máximo sem desvencilhar-se do passado e focar no alvo estabelecido por Cristo será tão perdedor quando aquele que fica sentado na arquibancada assistindo os atletas correrem.

IV. A GRANDE CONQUISTA EXIGE CORRETA MOTIVAÇÃO E DETERMINAÇÃO – Filipenses 3:14

1. Quando os crentes possuem avidez para ser como Cristo eles serão motivados a avançar diária e constantemente rumo à perfeição espiritual. Veja o exemplo do apóstolo: “Prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus”.
2. Quando o crente entende que a salvação já lhe pertence, ele fugirá do pecado e correrá para a santidade, sabendo que é um processo que começa na justificação, passa pela santificação e só se completará na glorificação, no futuro, no retorno de Cristo.
3. Quando o crente se converte, ele deve saber que está apto para correr; e que, se tiver a motivação correta e correr com determinação total, certamente alcançará a maior de todas as conquistas: Ser como Cristo!

V. A GRANDE CONQUISTA SERÁ REAL PARA QUEM TIVER DISCIPLINA MENTAL E FÍSICA – Filipenses 3:15-6

Certamente Paulo estava lidando com perfeccionistas, pessoas que alegavam ter alcançado o patamar máximo de santidade, que criam poder atingir a impecabilidade antes da volta de Jesus. Portanto, Paulo, que não se considerava perfeito, agora faz um apelo perfeito, sendo irônico com os perfeccionistas, mas colocando-se junto a eles.

1. Primeiramente ele chama seus ouvintes a terem o senso de que precisam alinhar seus sentimentos ao dele, o senso de que precisam correr com ele – sendo ele um apóstolo maduro, experiente, mas avançando rumo à perfeição com garra e determinação: “Todos, pois, que somos perfeitos, tenhamos este sentimento”.
2. Em segundo lugar, ele mostra que aquele que desconsiderar a corrida corre perigo de perder o prêmio; tanto é que se alguns discordassem dele no assunto apresentado, Deus estava disposto a esclarecer-lhes: “e, se, porventura, pensais doutro modo, também isto Deus vos esclarecerá”.
3. Finalmente, ele mostra que não importa o quanto já alcançamos, não podemos parar nem regredir, mas avançar sempre, diligentemente:“Todavia, andemos de acordo com que já alcançamos”.

CONCLUSÃO:

1. Todo verdadeiro cristão nunca se sentirá satisfeito com sua condição espiritual aqui neste mundo.
2. Todo verdadeiro cristão saberá que sua conversão o habilitou para correr em direção à santificação espiritual, a qual o limite ou alvo da corrida é o Céu, nunca antes disso.
3. Todo verdadeiro cristão que amadurece em sua experiência com Deus deve ter a mesma atitude do apóstolo veterano, e isso é tão certo que Paulo não permite opinião diferente, e ainda alega que se for preciso Deus esclarecerá esse assunto.

APELO:

1. Tenhamos o mesmo sentimento de Paulo: Precisamos correr com dedicação, senso de direção, rumo ao alvo certo.
2. Se, porventura, pensais diferente, permita que Deus te esclareça e te ajude ou ensine a correr a corrida cristã.
3. Andemos de acordo com o que já alcançamos: Todos aqueles que avançar alcançarão a maior de todas as conquistas: “O prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus”.

Pr. Heber Toth Armí