SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

17 junho 2017

“Deus decidiu”: Putin afirma que é seu “dever” impedir gays de se casarem de modo que as pessoas tenham mais bebês

Kelly Mclaughlin
O presidente russo Vladimir Putin afirmou que é seu “dever” impedir gays de se casarem numa tentativa de “dar mais força para as famílias,” pois as duplas de mesmo sexo “não produzirão nenhum bebê.”
Numa série de entrevistas com o diretor cinematográfico americano Oliver Stone, Putin explicou suas opiniões contra o “casamento” de mesmo sexo e sua convicção de que ele precisa “defender os valores tradicionais.”
Ele disse: “E posso lhe dizer isto, que como chefe de Estado hoje, creio que é meu dever defender os valores tradicionais e os valores da família. Mas por que? Porque os ‘casamentos’ de mesmo sexo não produzirão nenhum bebê. Deus decidiu, e precisamos cuidar da questão dos índices de natalidade em nosso país. Precisamos dar mais força para as famílias. Mas isso não significa que deva haver perseguições contra ninguém.”
Na entrevista, Putin também focou seu ataque na adoção de mesmo sexo, dizendo que é melhor que crianças cresçam em lares “tradicionais.”
“Não posso dizer que nosso público aceita bem [a adoção de crianças por duplas gays],” ele disse para Stone. “Digo isso francamente. Como em meu ponto-de-vista, as crianças terão uma escolha mais livre quando se tornarem adultas se crescerem numa família tradicional.”
O presidente russo também insistiu em que os gays não enfrentam perseguição no país, dizendo que a Rússia é “um tanto liberal.”
“Não existe situação como em alguns países muçulmanos em que os homossexuais enfrentam pena de morte,” ele disse. “Não temos restrições ou importunações com base em sexo. Além disso, muitas pessoas explicitamente falam sobre orientação sexual não tradicional. Mantemos relações com eles e muitos deles alcançam resultados estupendos em suas atividades… chegam até a receber prêmios e promoções estatais por suas realizações.”
Putin defendeu a lei polêmica da Rússia que proíbe a disseminação para menores de idade de “propaganda” que legitime a homossexualidade, dizendo que “o raciocínio por trás dessa lei é dar às crianças a oportunidade de crescerem sem impactar sua consciência.”
Embora haja animosidade generalizada contra a homossexualidade na Rússia e as autoridades regularmente neguem aos ativistas gays permissão para fazer passeatas, Putin disse que “nossa sociedade é de mentalidade liberal até certo ponto.”
Depois que Putin comentou que não existe proibição formal para gays nas forças armadas, Stone perguntou se Putin tomaria banho de chuveiro num submarino com um tripulante gay.
“Prefiro não ir ao chuveiro com ele. Por que provocá-lo?” Putin disse. “Mas, sabe de uma coisa, sou também mestre em artes marciais.”
Stone conduziu as entrevistas com Putin entre 2015 e 2017.
As entrevistas foram primeiramente exibidas no canal de TV a cabo dos EUA Showtime em quatro partes no começo desta semana.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AS 10 MAIS VISITADAS