SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

22 junho 2017

MARCHA PRÓ-HEZBOLLAH E ANTI-ISRAEL EM LONDRES, COM AUTORIZAÇÃO DO PREFEITO MUÇULMANO SADIQ KHAN



Centenas de manifestantes anti-Israel desfilaram ontem à tarde pelas ruas da capital britânica, apelando à destruição de Israel e acusando a nação judaica de genocídio, crimes contra a humanidade e opressão dos palestinianos.

A marcha anual "Al Quds" - que significa Jerusalém para os muçulmanos - juntou algumas centenas de apoiantes que arrogantemente exibiram bandeiras do grupo terrorista islâmico Hezbollah num desfile que os levou ao centro de Londres.

Os manifestantes foram escoltados por uma forte presença policial e à medida que caminhavam em direcção ao centro iam gritando palavras de ordem, acusando Israel de genocídio e crimes contra a humanidade, e exibindo cartazes com frases como: "Somos todos Hezbollah", "Boicotem Israel" e "Palestina livre."


Entre os participantes desta condenável manifestação encontravam-se também membros da seita judaica anti-Israel"Naturei Karta", que, ao lado dos defensores do Hezbollah, bradavam: "Basta de rabinos!", "Basta de sionistas", e"Basta de sinagogas!"


PERMITIDO PELO MAYOR, ELE PRÓPRIO MUÇULMANO...


Mais de 20 mil pessoas assinaram recentemente um manifesto, pedindo que a manifestação fosse ilegalizada, mas o presidente londrino, o muçulmano Sadiq Khan alegou não ter autoridade para tomar essa decisão...

Apesar de o braço armado do Hezbollah ser proibido no Reino Unido, o braço político dessa organização terrorista islâmica tem permissão para se manifestar publicamente. Vá lá o diabo saber porquê...


CONTRA-MANIFESTAÇÃO
Ao mesmo tempo que os inimigos de Israel se expressavam livremente nas ruas da capital de um estado que se diz democrático e que tem sido vítima de vários ataques terroristas recentes cometidos por grupos muçulmanos, centenas de manifestantes pró-Israel organizaram uma contra manifestação, cujo líder apelou aos dirigentes da marcha anti-Israel para que no próximo ano não a realizem em Londres, mas sim em Teerão...

Vladimir Bermant, representante do Congresso Mundial Judaico, afirmou: "O caminho do Hezbollah é de violência. Infelizmente, nós, os cidadãos de Londres já estamos habituados às bandeiras do terrorismo e aos apelos de 'Morte a Israel' e de 'Morte à América.'"

E acrescentou: "São esses os mesmos terroristas da Torre de Londres, de Manchester, ou de outro qualquer lugar. É por isso que a manifestação 'Al Quds' tem de ser proibida. Trazer crianças a uma marcha como esta cria um problema de radicalização que será muito difícil de solucionar no futuro."


Shalom, Israel!



Via http://shalom-israel-shalom.blogspot.com.br/