SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

28 julho 2017

Lição 5 - A identidade do Espírito Santo I




Lição 5 - A identidade do Espírito Santo I

ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO DO BELÉM - SEDE - SÃO PAULO/SP
PORTAL ESCOLA DOMINICAL
SEGUNDO TRIMESTRE DE 2017
Adultos - A RAZÃO DA NOSSA FÉ: assim cremos, assim vivemos
COMENTARISTA: ESEQUIAS SOARES DA SILVA
COMENTÁRIO: EV. CARAMURU AFONSO FRANCISCO

CREMOS
(…)
4. No Espírito Santo, a terceira pessoa da Santíssima Trindade, consubstancial com o Pai e o Filho, Senhor e Vivificador; que convence o mundo do pecado, da justiça e do juízo; que regenera o pecador; que falou por meio dos profetas e continua guiando o Seu povo (II Co. 13:13; II Co.3:6,17; Rm.8:2; Jo.16:11; Tt.3:5; II Pe.1:21 e Jo.16:13)” (Cremos da Declaração de Fé da CGADB).
INTRODUÇÃO
- Na sequência do estudo de nossa Declaração de Fé, analisaremos hoje o item 4 do Cremos, que fala da doutrina do Espírito Santo (Paracletologia ou Pneumatologia).
- O Espírito Santo é a Terceira Pessoa da Trindade, especialmente comissionada para acompanhar e dirigir a Igreja entre a ascensão de Cristo e o arrebatamento da Igreja.
I – O ESPÍRITO SANTO É UMA PESSOA
- O item 4 do Cremos da Declaração de Fé da CGADB é uma novidade em relação ao Cremos originariamente publicado no jornal “O Mensageiro da Paz” a partir de junho de 1969. Com efeito, naquele Cremos não havia um item específico sobre o Espírito Santo, o que não deixava de ser uma surpresa notadamente para uma denominação evangélica pentecostal.
- Assim, seguindo a tradição dos Credos Ecumênicos, onde havia uma disposição específica sobre o Espírito Santo, também se decidiu inserir um item específico sobre essa Pessoa Divina.
- O Espírito Santo, que é mostrado nas Escrituras com muitos nomes, como, por exemplo, Espírito de Deus, é uma das três Pessoas que compõem a Trindade (“Santíssima Trindade”, como denominam os teólogos desde a Idade Média), este mistério que mostra ser o nosso Deus um único Deus, ainda que em três Pessoas. Diante desta afirmação, vê-se que é preciso demonstrar, nas Escrituras, esta revelação, incompreensível à mente humana.
Para continuar lendo este artigo baixe o anexo no link abaixo.
COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - EV. CARAMURU AFONSO FRANCISCO
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AS 10 MAIS VISITADAS