SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADOLESCENTES (3) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) ADULTOS (9) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇARIO (10) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE BETEL JOVENS (37) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (74) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (155) CLASSE MATERNAL (104) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (506) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Fome (1) Galeria de Fotos (12) Gospel (285) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (10) Israel (18) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (148) MODISMOS (2) Mundo (610) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3156) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (230) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (111) REVISTA CLASSE JUNIORES (243) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (191) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (411) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (601) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

08 junho 2011

LIÇÃO 11 – OS ENSINOS DE JESUS


Objetivo
Professor (a) ministre sua aula de forma que possa conduzir o aluno a:
  1. Compreendera essência dos ensinos do Senhor Jesus – vida cristã genuína.
  2. Para refletir
“Depois de dizer isso, Jesus saiu da Galiléia e foi para a região da Judéia que fica no lado leste do rio Jordão.”(Mt 19.1 – NTLH).
 Jesus percorria todas as aldeias e vilarejos ensinando e curando muitas pessoas (v. 2). O Mestre amado aplicava seus ensinos aplicando-o à necessidade humana de seus ouvintes.
Sempre enfatizando que a busca do Reino de Deus deve ser o grande objetivo de nossa vida.

  
Texto Bíblico em estudo: Mt 19.1-30

Introdução
No texto em estudo, vemos explicitamente o perigo de colocar-nos sob um sentimento egoísta – a satisfação própria e a ambição – em detrimento do bem estar se outros.
Vejamos:
  • Acerca do divorcio – o próprio Senhor Jesus nos afirma que o divorcio é resultado de coração endurecido, ou seja, não é da Vontade de Deus (isto deve ficar bem claro ao adolescente).
  • Acerca das crianças – muitas vezes nos tornamos rudes e insensíveis às necessidades espirituais que possuem (os adolescentes, costumam hostilizar muito seus irmãos mais novos, mesmo estando passando por transformações físicas e psicológicas, têm responsabilidades espirituais), nos esquecendo que demos o dever de conduzi-las ao reino de Deus.
  • Acerca da Riqueza – não é pecado possuir bem, o problema está na inversão de valores. Quantas vezes colocamos a superfluidade à frente, em detrimento a vida de fé que devemos ter. Sem o devido desprendimento disso, não conseguiremos servir a DEUS com todo nosso espírito, alma e corpo (1 Ts 5.23).

Os assuntos abordados pelo Senhor Jesus, mostra-nos que muitas de nossas atitudes são totalmente incompatíveis com a verdadeira vida cristã, e, portanto devem ser banidas de nosso cotidiano.
 As parábolas
Um dos métodos de ensino do Mestre eram as parábolas.
“Parábola”, deriva da palavra grega, parabole, vem de um verbo grego que significa “colocar ao lado de”. Uma parábola é uma história que coloca uma coisa ao lado de outra com o propósito de ensinar. É uma comparação, colocando o conhecido ao lado do desconhecido. Memoravelmente expressada, ela é “uma história terrestre com um significado celestial”.

Parábolas são histórias ilustrativas geralmente concebidas para ter três partes básicas:
  1. Uma ocasião histórica que produziu a parábola.
  2. A história ou narrativa. E,
  3. A lição principal a ser extraída dessa históriae aplicá-la.

Jesus certamente viveu mais cônscio do mundo no qual Ele andava do que qualquer outro homem antes Dele. E de tudo que O rodeava Ele tirou ricas metáforas, que fizeram Dele um  Irresistível Ilustrador e Mestre.
O Senhor começou cedo, nos seus discursos públicos, a falar com conhecimento de pescadores, agricultores, pastores e comerciantes. Ele tirou expressivas comparações do mundo dos reis e dos príncipes, dos servos e dos pobres, sacerdotes e publicanos, juízes e ladrões. Ele encontrou lições na relva e nas flores, no vento e na rocha. Ele falou muito de vinhas e trigais, de joio, de espinhos e de cardos. Ele conhecia bem o lugar da raposa e o caminho dos lobos e das ovelhas. E falou especialmente do lar, de sal e de lâmpadas, de cozinha e de limpeza, de festas e de casamentos, de pais e de filhos.
Suas palavras eram maravilhosas, pelo modo como tornavam a Vontade de Deus tão real e clara através das parábolas.

As duas portas: de modo claro e expressivo o Senhor Jesus, mostrava através de seus ensinos, que o ser humano tem duas únicas alternativas possíveis quanto à sua vida presente e futura. Ele ilustra isso com mais propriedade no ensino dos dois caminhos (ou, duas portas) em Mateus 7.13,14:
“Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; e porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.”

Esta passagem nos fala de apenas duas portas (v.13), uma estreita (ver também, Jo 10.9), outra larga, deixando evidente que a maioria das pessoas escolhe a segunda. A ênfase dada por Jesus neste ensino é que “poucos conseguem entrar e prosseguir a caminhada”, salientando, assim que para fazer parte do reino de Deus, implica assumir os seus princípios e buscar viver aqui na terra compromissos que nem todos querem (Jo 6.60,61).



Como mestre, a missão do Filho de Deus era revelar o coração de seu Pai aos homens, para que conhecessem e entendessem sua graciosa vontade para as vidas deles. Tal entendimento não poderia ser criado por divino “faça-se”.
As maravilhas que Jesus fazia eram notáveis, mas serviam apenas para confirmar sua mensagem (Jo 3.1-2) que, como a Verdadeira Fonte da energia Salvadora de Deus (Rm 1.16), tinha finalmente que ser aceita e entendida como eficaz (Jo 6.44-45).

Por toda sua magnífica demonstração de poder divino, os milagres não poderiam forçar esse entendimento. Tinha que ser atingido por instrução paciente e muitas vezes laboriosa que, mesmo depois de longas horas, dias e meses era submetida à completa rejeição, por parte de seus ouvintes.

Mas com amor perseverante o Senhor Jesus buscava fazer com que todos os homens entendessem, e escolhia abordagens que eram notáveis por sua simplicidade. Ele pegava os homens onde eles estavam e buscava levá-los para onde era necessário que estivessem.
Ele se valia do conhecimento deles deste mundo para ensinar-lhes sobre o porvir.
O estilo de Jesus como Mestre é insuperável, e a maior expressão disto são suas parábolas, e aqueles que quiserem entender Jesus precisam chegar finalmente a entender aquelas poderosas histórias ilustrativas que se tornaram o veículo característico de tantas de suas lições.


Oração e obediência à Palavra de Deus
O Senhor Jesus, não somente ensinava, mas vivia – a Palavra que falava era sua própria essência – Ele é a Palavra.

Ensinou a verdadeira oração – e orava, mesmo sendo Deus, mostrou-nos o caminho a trilhar através de uma vida de continua comunhão com o Pai.
E para elevar seu ensino, o Senhor exorta-nos a não somente ouvir, e chamá-Lo de Senhor, mas, sobretudo, amá-Lo e obedecer-lhe em tudo e seguir Seu exemplo:
“E por que me chamais Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo?
Qualquer que vem a mim, e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante. É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre rocha. Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.”(Lc 6.46-49)

A base da fé cristã é a Palavra de Deus. Verdadeiramente a obediência a Sua Palavra é o único meio a seguir. Somente aqueles que constituem a Palavra de deus como sólido fundamento em suas próprias vidas e pautam sua vida diária Nela, poderão ser vitoriosos sobre as tempestades e problemas que enfrentarão. Somente assim terão uma fé inabalável, uma vida verdadeiramente cristã.
Conclusão
Amado (a) enfatize aos seus alunos que o Senhor Jesus em todos os seus ensinos apontava aos seus ouvintes, a necessidade essencial de uma mudança de vida. Para Ele não importava a exterioridade da pessoa, e sim a sinceridade de seu coração.
Os desafiava a servi-Lo:
“E por que me chamais Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo?”

Nós também temos ouvido Seus Preciosos Ensinos.
Mas... como estamos? – Será que estamos aprovados?

Ou será que o Senhor está dizendo-nos o que falou para o Jovem Rico?
“E Jesus, olhando para ele, o amou e lhe disse: Falta-te uma coisa...”(Mc 10.21)

Cheguemos-nos, pois a Ele, afim ser sermos ajudados em tempo oportuno (Hb 4.16), lembrando-nos que Hoje é o tempo oportuno, “como está dito: Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais o vosso coração.” (Hb  4.7).
Deus vos abençoe.


Colaboração para o Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva
FONTE PORTAL EBD