SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (72) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (151) CLASSE MATERNAL (104) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (506) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Galeria de Fotos (12) Gospel (285) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (10) Israel (18) JARDIM DA INFANCIA (7) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (148) MODISMOS (2) Mundo (610) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3155) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA BETEL JOVENS (1) Revista Central Gospel (1) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (230) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA (111) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (111) REVISTA CLASSE JUNIORES (243) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (187) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (395) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (593) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Utilidade publica (1) UTILIDADE PÚBLICA (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

31 outubro 2011

Embaixada afirma que pastor Nadarkhani está livre da sentença de morte



Yousef Nadarkhani foi detido em 2009 por ter abandonado o islamismo

Embaixada afirma que pastor Nadarkhani está livre da sentença de morte
O caso do pastor Yousef Nadarkhani, 34 anos, foi levado à Assembleia Geral de Assuntos Sociais da ONU. Ele foi condenado a pena de morte pelo governo do Irã, em setembro deste ano, com a acusação de ter abandonado a religião islâmica. A acusação é devido a conversão de Yousef ao Cristianismo, quando ele tinha 19 anos de idade.

O representante do “Comitê de Assuntos Humanitários”, Ahmed Shaheed, pediu ao Governo do Irã que libertasse o pastor: “Estamos particularmente perturbados por uma recente decisão do Supremo Tribunal (do Irã) de ter sustentado uma sentença de morte para Yousef Nadarkhani, um pastor protestante que supostamente nasceu de pais muçulmanos, mas se converteu”. O pastor foi detido em 2009, quando tentava registrar a sua igreja na cidade. A Embaixada do Irã no Brasil informou que o pastor Yousef Nadarkhani está livre da sentença de morte, mas continua preso.

Sua primeira condenação à morte aconteceu em 2010, mas a Suprema Corte do Irã interveio e conseguiu adiar a sentença. Ao ser revisto, o processo resultou na mesma condenação ao fim do sexto dia de audiência. O pastor pode ser solto caso se converta, mas ele se recusa a negar a sua fé.

Apesar da Embaixada do Irã ter anunciado que ele está livre da pena de morte, o seu futuro é incerto. O Centro Americano de Lei e Justiça, ACLJ, informou recentemente que o Serviço Secreto do Irã estaria oferecendo livros e folhetos muçulmanos ao pastor, mas suspeita-se que a intenção não seja apenas de tentar convertê-lo, mas de fazer com que ele ofenda o Islamismo, para ter provas de que ele desrespeitou a religião oficial do país e executar a pena de morte.

Outro caso de cristão executado por questões religiosas no Irã que teve repercussão mundial foi o do pastor da Assembleia de Deus, Hossein Soodmand, em 1990. O informativo de 2010 de Liberdade Religiosa no Mundo afirma que cerca de 350 milhões de cristãos sofrem perseguição ou discriminação, e 200 milhões destes correm risco de morte.


Fonte: Christian Post

O que está por trás do Dia das Bruxas ou Halloween



Doces para alimentar demônios e máscaras para assustar espíritos. Se você não vê problema em festa Halloween, cuidado!

O que está por trás do Dia das Bruxas ou Halloween
Gostosuras ou travessuras? Essa é a pergunta que as “pequenas bruxinhas” costumam fazer na noite de Halloween. Sem ideia do significado da brincadeira, muitos investem na comemoração pagã que está relacionada à comunicação com os mortos. 

 “As almas dos que já morreram retornam uma vez por ano, durante a noite, para possuir os corpos dos vivos e habitarem neles até a próxima madrugada do dia 31 de outubro” – Esse é o verdadeiro significado da festa que hoje também tem o nome Dia das Bruxas. Através dos cursos de inglês, ela ganhou adeptos no Brasil no final dos anos 80 e, atualmente, também é comemorada pelo comércio, levando milhares de jovens desinformados a praticar rituais malignos.

O Halloween surgiu nos festivais de outono dos celtas, espalhados nas ilhas britânicas e norte da França, entre os anos 600aC e 800dC. No meio dos celtas, existia um grupo considerado classe especial de guerreiros e guardiões de tradições religiosas – eram os sacerdotes druidas. Os druidas eram envolvidos com  magia e  feitiçaria, adoravam a muitos deuses e tinham o sol como sua divindade favorita. Também acreditavam que o ano novo deveria ser comemorado na última noite de outubro, época em que não havia colheita, quando também acontecia a festa oficial do calendário de outono, o festival Samhain. Na língua celta, Samhain significa “fim do verão”. Na samhain, eles adoravam o deus celta dos mortos e príncipe das trevas, capaz de trazer de volta espíritos de todos que morreram naquele ano. Por essa razão, a vigília de samhain era considerada maldita e de azar para os povos. 

Fugindo da maldição

Acreditando que os espíritos dos mortos possuiriam os corpos dos vivos que vagassem na madrugada daquela noite, os povos faziam uma série de rituais para afugentar os espíritos. Acendiam fogueiras nas Colinas. Nos vilarejos, apagavam as tochas para o local ficar frio e sem vida, e as almas desistissem de circular por lá. Alguns grupos de moradores usavam máscaras e fantasias a fim de assustar os espíritos. Druidas realizam cerimônias com objetivo de apaziguar as almas errantes; faziam magias através do fogo e queimavam vivos os prisioneiros de guerra, criminosos e animais – enquanto observavam os corpos em chamas, diziam ter presságios e avisos. Druidas também acreditavam que seres da natureza como bruxas, fadas e duendes saíam de seus esconderijos nessas datas para prejudicar os vivos – talvez, por isso, hoje a festa tenha forte relação com as bruxas.

Segundo pastor Agissé Levi da Silveira, mestre em Teologia, psicólogo, e pastor presidente da AD em Mafra (SC), essas práticas foram transformadas com o tempo e mendigos passaram a pedir comida em troca de orações por quaisquer membros mortos da família. Ainda nesse contexto, havia na Irlanda a tradição de um homem conduzir uma procissão para angariar oferendas de agricultores, a fim de que suas colheitas não fossem amaldiçoadas por demônios. Uma espécie de chantagem, que deu origem ao Trick or Treat, ou seja, “travessuras ou doces”. 

Estou em perigo!

Mas quem está preocupado com tudo isso? Nessa época do ano, principalmente nos cursos de inglês, todo mundo quer se divertir com os símbolos do “Dia das Bruxas”. Jovens querem aproveitar a data como desculpa para reunir os amigos e fazer festas. Inclusive, usam acessórios e objetos como colares, amuletos e cristais, que têm significados malignos, só porque acham bonito ou porque está na moda. 

Pastor Alberto Alves da Fonseca, especialista em História e Teologia, explica que brincadeira com as trevas põe a vida espiritual em perigo. “Objetos decorativos ou não possuem origem ocultista e uma simbologia das forças das trevas. Os cristãos devem estar atentos para não ostentarem símbolos e amuletos do maligno. O apóstolo João, em sua primeira carta, no capítulo 1 e versículo, 5 declara: ‘E esta é a mensagem que dele ouvimos e vos anunciamos: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma’. Além disso, o dia 31 de outubro é considerado pelos bruxos como um festival que introduz a estação das trevas e, embora a mídia e as escolas de inglês apresentem o Halloween com crianças pedindo doces, essa festa não é nada inocente, mas é explicitamente comprometedora, pagã, maligna e anticristã”, alerta o pastor na AD em Campinas (SP).

Ao se envolver com essas práticas, jovens e adolescentes correm sérios riscos espirituais e sociais, porque estão abrindo espaço para a atuação de forças espirituais das trevas em suas vidas. Para o pastor Levi, os perigos advindos desses ambientes podem ser os mais diversos, entre eles sempre a violência, a iniciação às drogas e o sexo livre e desenfreado. “Tudo isso é abominável diante de Deus, portanto todo aquele que segue esse caminho está sujeito a perecer, caso Deus não venha a ter misericórdia de sua alma”, afirma, reiterando que todos os jovens que andam ou se envolvem com essas festas ou eventos não têm na Lei do Senhor seu prazer. ‘Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite’. Está escrito em Salmos”, acrescenta o líder.

“Paulo declara em 1Coríntios 10.23: ‘Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam’. Paulo faz essa exortação um versículo antes de declarar: ‘Não podeis beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios; não podeis ser participantes da mesa do Senhor e dos demônios’”, conclui pastor Alberto Fonseca.
 

Conheça o significado dos símbolos Halloween

Hallowed - Significa “Noite Santa” ou “All Hallows Eve”, “Noite de Todos os Santos”.

Abóbora - Faz parte da lenda irlandesa de Jack-o-lantern. Jack fazia brincadeiras satânicas e trapaceou o Diabo prendendo-o em uma árvore. Só o soltou depois que o Demônio jurou nunca incomodá-lo. Acredita-se que Jack não foi aceito no Céu nem no Inferno e, para ter o seu caminho iluminado, ascendeu uma vela e a colocou acesa dentro de um nabo, com furos para dar passagem à claridade. Hoje as abóboras representam essa história.

Vassoura - Usada para varrer as “más energias”.

Chapéus pontudos - Símbolos de hierarquia sacerdotal entre as bruxas. 

Gatos - Eram animais sagrados porque já tinham sido humanos em outras vidas. Acreditava-se que bruxas transferiam seus espíritos para gatos. 

Morcegos - Tinham a reputação de possuir forças ocultas, pois tinham habilidade de perseguir sua presa no escuro. Acreditava-se que demônios transformavam-se em morcegos.

Vela - Nas cores roxa, preta e laranja, indicam os caminhos para os espíritos de outro plano astral.

 
Fonte: Revista Geração JC nº 72

Lula começa nesta segunda tratamento de quimioterapia



Ex-presidente sofre de câncer na laringe; tratamento deve durar 3 meses

Lula começa nesta segunda tratamento de quimioterapia
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva dará início, nesta segunda-feira (31), ao tratamento de quimioterapia para combater o câncer de laringe descoberto no último sábado. A pedido dos médicos, que descartaram uma cirurgia, Lula deverá dormir no hospital de segunda para terça.

De acordo com Artur Katz, oncologista do Hospital Sírio-Libanês e médico do ex-presidente, o tratamento de Lula deve levar cerca de três meses para ser completado. Segundo o médico, o tumor é pequeno e localizado, o que significa que não deve se espalhar pelo organismo.

Conforme orientação da equipe médica, Lula está poupando sua voz - justamente por isso não recebeu visitas neste domingo. O ex-presidente passou o dia em seu apartamento na Grande São Paulo, em repouso. Ele vinha reclamando há algum tempo de incomodo na garganta e rouquidão. Na quinta-feira, quando comemorou 66 anos, ainda não sabia do diagnóstico de câncer. 

Durante todo o sábado, o ex-presidente realizou exames no Hospital Sírio-Libanês, quando foi diagnosticado um tumor, de cerca de três centímetros, localizado na laringe, acima da Supraglote.

O médico Roberto Kalil, diretor de cardiologia do Sírio-Libanês e médico pessoal de Lula esteve no apartamento do ex-presidente na tarde de domingo. Ao sair, afirmou que ele está extremamente bem humorado e confiante. "Em nenhum momento percebi que esteja temeroso a nada. É um ser humano, antes de ser a pessoa pública que é. É claro que fica assustado", afirmou o médico.

Perguntado sobre a possibilidade de também ser feito tratamento de radioterapia, Kalil afirmou que o primeiro procedimento será a quimioterapia, como foi determinado pelos oncologistas. Hoje, no entanto, será traçado o plano para tratamento. 


Fonte: Veja

Número de mortos pelo terremoto de Van supera os 600



Feridos no desastre na Turquia já somam 4.152 pessoas e precisam de cuidados médicos nos hospitais

Número de mortos pelo terremoto de Van supera os 600
O número de mortos por causa do terremoto que atingiu há 8 dias a província turca de Van subiu para 601, enquanto os feridos que precisaram de cuidados nos hospitais pela mesma causa somaram 4.152.

Os dados foram passados nesta segunda-feira pela imprensa turca, citando informações dos últimos relatórios da Agência de Gestão de Desastres e Situações de Emergência do Governo de Ancara.

As autoridades encerraram os trabalhos de resgate, que nesta segunda-feira somente continuavam em dois pontos de Ercis, a mais afetada pelo terremoto de 7,2 graus na escala Richter.

Como informou a rede NTV, as equipes de resgate tentam encontrar nas ruínas de dois prédios seis pessoas, embora as possibilidades de encontrá-las vivas sejam poucas.

Desde o início da catástrofe, as equipes salvaram 200 pessoas. Como disse no domingo o vice-primeiro-ministro turco, Besir Atalay, 35 mil tendas de campanha foram distribuídas na região do terremoto.

Devido às baixas temperaturas em Van, os sobreviventes precisam de maior número de casas pré-fabricadas para refugiar-se até poderem voltar para suas moradias. Infelizmente, a previsão para isso é de pelo menos um ano.

Pelo plano do governo para refazer os prédios que não estejam preparados para suportar os terremotos, em toda Turquia a estimativa é derrubar 5 milhões de casas nos próximos 10 anos.


Fonte: EFE

Pesquisadores ganham bolsa para estudar a Bíblia na vida americana



Projeto de pesquisa de três anos é um dos primeiros estudos de grande escala nacional desse tipo

Pesquisadores ganham bolsa para estudar a Bíblia na vida americana
Pesquisadores de uma universidade em Indiana (EUA) foram premiados com mais de U$ 500 mil de bolsa, que será usado para estudar como os americanos usam a Bíblia em seu dia a dia.

Lilly Endowment Inc., uma fundação privada com sede em Indianápolis, que se concentra em filantropia nas áreas de desenvolvimento comunitário, educação e religião, atribuiu a concessão aos pesquisadores da Universidade de Indiana para o estudo da religião e da cultura americana.

De acordo com o Centro, o projeto de pesquisa de três anos é um dos primeiros estudos de grande escala nacional desse tipo. 

"A Bíblia é, em todos os sentidos, o livro mais importante na cultura americana. Desde que os europeus colonizaram estas terras ela tem sido o maior best-seller americano em todas as versões variadas. Então, o que nós estamos interessados é saber como as pessoas estão realmente usando a Bíblia”, disse Peter Thuesen, chefe do Departamento de Estudos Religiosos da Universidade. 

Pesquisas anteriores, disse Thuesen, indica que a maioria dos americanos acredita que a Bíblia é a Palavra de Deus, mas pouco se sabe além disso. 

Quantas vezes os americanos lêem a Bíblia? Será que eles já leram toda a Palavra? Quem, ou o que, ajuda-lhes a compreendê-la? É comum as crianças de hoje memorizarem passagens da Bíblia? Qual é o impacto das Escrituras na tomada de decisões diárias na vida dos americanos? Qual o impacto da Bíblia na mídia eletrônica, na abordagem de que vivemos em uma sociedade que enfatiza o uso da tecnologia? Estas são apenas algumas perguntas que esperam começar a abordar, embora que as respostas não virão de uma só vez.

Há tanta coisa para descobrir, mas a pesquisa consegue resolver um conjunto limitado de respostas. “O que esperamos é que este trabalho pelo menos inicie o assunto, para que a partir dele surjam cada vez mais estudos", disse Thuesen.

O trio de pesquisadores irá encontrar as suas respostas por meio da união do material colhido com outros levantamentos: Em 2012, no National Opinion Research Council da Pesquisa Social Geral, o "padrão ouro" dos inquéritos de investigação social de acordo com Thuesen, e no Estudo Nacional da Universidade Congregação Duke. Usando ambas as pesquisas, os estudiosos serão capazes de fazer perguntas e analisar as respostas de diversos públicos, além de um público especificamente cristão.
Após o inquérito ser conduzido, interpretado e relatado, haverá uma conferência em Indianápolis em 2014, onde os trabalhos serão apresentados em questões relacionadas especificamente com a Bíblia e seu uso pelos norte-americanos, incluindo informações históricas que irão acrescentar ao entendimento geral de pesquisa da equipe. 

"Esperamos aprofundar os resultados da pesquisa com algum contexto histórico à medida que avançamos ao longo do projeto", disse Thuesen. 

A concessão e as pesquisas vêm em um momento adequado, pois também em 2011comemora-se o 400 º aniversário da primeira edição da Bíblia King James. Thuesen acredita que não há outro livro sagrado que tenha moldado a cultura americana como a Bíblia, mas os pesquisadores ainda não sabem exatamente como o seu uso está mudando e como ela afeta as pessoas em uma base diária.

"A Escritura tem uma grande potência como um símbolo da religiosidade no país. Mas isso não significa que as pessoas, necessariamente, lêem a Bíblia”, disse ele.

Segundo o pesquisador, os resultados do projeto de pesquisa não serão benéficos apenas para os líderes religiosos, mas também para pesquisadores que estudam economia, política e uma série de outras disciplinas.

“Nós certamente temos em mente os líderes das comunidades religiosas, porque é sempre útil para os pastores saber mais sobre os hábitos das pessoas em sua congregação e como estão realmente se aproximando do texto sagrado e pensando nisso hoje. Mas nós também - porque nós somos um centro de pesquisa que não é de filiação religiosa - estamos sempre interessados  em entender como a cultura americana funciona e como ele está mudando”, finaliza.

Fonte: Christian Post/Redação CPADNews

Missionários promovem 24h de clamor pelo Brasil



Mobilização aconteceu em 14 estados com a participação de 50 igrejas e quatro organizações em todo o país

Missionários promovem 24h de clamor pelo Brasil
Nesse mês de outubro, missionários brasileiros se uniram para promover 24 horas de clamor por sua nação.  Através da iniciativa da Junta de Missões Nacionais, igrejas e parceiros se uniram para invocar a Deus, pedindo suas bênçãos em favor do Brasil. A mobilização aconteceu em 14 estados das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste, contando com a participação de 50 igrejas e quatro organizações em todo o país.

Cerca de 500 pessoas compareceram ao Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil para a realização das 24 horas no Rio de Janeiro. A abertura e o encerramento dessa programação contaram com a direção do pastor Fernando Brandão, diretor executivo da JMN. Para muitos dos que participaram, foram momentos de consagração e unidade dos irmãos  em torno de objetivos comuns e, especialmente, bíblicos. 

Laércio Vasconcelos, membro da congregação de Bento Ribeiro, afirma que as 24 horas serviram de "grande testemunho de unidade, organização e amor para os que estão de fora". 

Marcelo Cordeiro, ministro de evangelismo e missões da igreja no Rio de Janeiro, exclamou: "Precisamos nos reunir mais vezes e, em especial, orarmos juntos. Temos várias experiências da manifestação do poder de Deus, em relação à perseverança em oração. O Senhor, conforme a sua soberana vontade e vendo a sinceridade no coração daquele que ora, certamente responde ao que pede com fé no nome do Senhor Jesus".

Em São Paulo, houve igrejas que realizaram independentes as jornadas de 24 horas de oração. Na cidade de Osasco, a programação teve um toque especial quando, no encerramento da programação, 10 vidas desceram às águas batismais, momento que serviu de memorial aos presentes, mostrando como a junção de forças é importante para o avanço do Reino. 

A missionária Leda Camilo, que atua numa frente missionária na mesma cidade, lembrou que o resultado das orações já está sendo sentido com a abertura de mais uma frente missionária. As bases do projeto serão estabelecidas com um impacto evangelístico previsto para os dias 12 a 15 de novembro, no bairro de Bonança.

“A todos que se uniram a nós nessa jornada de clamor, registramos nossa gratidão. Também esperamos contar com esse apoio em nossas próximas ações, em especial nos 100 dias que impactarão o Brasil", disse a missionária, referindo-se ao evento de evangelização que começará em abril de 2012.


Fonte: JMN / Redação CPAD News

30 outubro 2011

Visita do Pr. Elinaldo Renovato, comentarista das lições da CPAD, ao Paraguai - Miss. Rosenildo Maciel - Informe 12/2011




O Pr. Elinaldo Renovato, presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Parnamirim no Estado do Rio Grande do Norte visita mais uma vez o Paraguai, esteve acompanhando o diretor do DEMIP-ADPAR (Departamento de Missões das Assembleias de Deus de Parnamirim), Pr. Mauricio Leite, esta visita ocorreu dos dias 20 à 24 de Setembro.

A Assembleia de Deus em Parnamirim está presente no Paraguai há 12 anos na pessoa do Pr. Milton e de família, missionários enviados pelo Pr. Elinaldo Renovato que todos os anos vem ao Paraguai acompanhando os trabalhos dos missionários e obreiros apoiados por sua Igreja e desta vez o pastor presidente de Parnamirim esteve visitando várias cidades do interior Paraguaio, chegando a viajar até mais de 600 kilometros de carro, em uma temperatura de quase 40 graus para acompanhar de perto as necessidades e o que tem sido desenvolvido com os investimentos da  Missão neste País.

E o diretor do DEMIP-ADPAR, veio acompanhando o Pr. Presidente pela primeira vez, e esteve vendo também que a necessidade da presença missionária da Igreja no Paraguai ainda é muito necessária, ele esteve pessoalmente relatando isso ao Miss. Rosenildo Maciel, relator deste Artigo, e em uma oportunidade também que teve na Templo sede do ministério das Assembleias de Deus da Graça expressou a alegria de estar no Paraguai pela primeira vez e de saber que até crianças tem sido batizadas com o Espirito Santo.

É importante saber que a Igreja do Senhor Jesus não pode de forma alguma deixar de estar presente nas várias nações, pregando o Evangelho, pois esta foi a ordem imperativa de Jesus, que mais Igrejas e Ministerios venham empenhar seu papel missionário na tarefa primordial da Igreja e nunca venha deixar de estar presente nas várias nações representada por missionários para lá enviados
  

Pr. Maurício Leite e Pr. Elinaldo Renovato

Pr. Ivanildo Paulo, Miss. Rosenildo e Pr. Maurício Leite

Pr. Maurício Leite ministrando em San Lorenzo

Igreja presente na visita do Pr. Elinaldo Renovato

Conjunto de Senhoras de San Lorenzo

Ao centro Pr. Milton, enviado pela Igreja em Parnamirin

Despedida no aeroporto de Assuncion

Relator: Missionário Rosenildo Maciel .
Fotos: Missionário Lamartine.
fonte AD Piancó

Cientistas tentam explicar como ocorre a tentação em nossa mente



Pesquisa indica que quanto menos se pensa no assunto, melhor.
Cientistas tentam explicar como ocorre a tentação em nossa mente
A tentação pode ter várias formas. Seja na forma de um doce para quem está de dieta, uma bebida para um alcoólico em recuperação ou uma mulher atraente para um homem casado.
Como é possível frear o impulso de ceder à tentação e manter sua integridade, seja de magreza, sobriedade ou fidelidade? Não pare para pensar. Pensar pode não ajudar. Aliás, pensar demais no assunto pode por tudo a perder.
Essa surpreendente conclusão foi anunciada depois de novo estudo realizado por Loran Nordgren e Eileen Chou, cientistas da Northwestern University, relatou a revista Psychological Science.
Os pesquisadores resolveram estudar o tema para tentar conciliar dois pressupostos contraditórios encontrados na literatura sobre o assunto. “Uma corrente mostra que a cognição durante a tentação distorce (o pensamento) de maneira que estimula o comportamento impulsivo”, diz Nordgren. “Outra corrente mostra que a tentação se vale de processos de proteção (pensamentos) que aumentam o autocontrole. Você mostra um pedaço de bolo, e o pensamento inicial da pessoa é “Estou de dieta. Não, obrigado “.
Mas as duas possibilidades desconsideraram um fator crucial: o instinto visceral. “Seja fome, sede, apetite sexual ou o simples desejo de saciedade, isso pode determinar se os mesmos processos cognitivos resultarão em um comportamento impulsivo ou em autocontrole”, destacou o cientista.
Os pesquisadores avaliaram diferentes mecanismos cognitivos, para ver como a tentação afeta as pessoas. Na primeira experiências, 49 estudantes do sexo masculino, que possuem um relacionamento estável, foram divididos em dois grupos.
Uma parte deles assistiu a um filme erótico que os deixou excitados. Os demais viram um vídeo sobre moda, que não os animou em nada. Em seguida, os pesquisadores mostraram imagens de mulheres atraentes e observaram por quanto tempo os homens olharam para elas.
Uma semana depois, a experiência foi repetida. Porém, desta vez disseram que as moças eram estudantes solteiras. Os homens do grupo que assistiu o filme erótico passaram mais tempo olhando as fotos das moças. O mesmo não aconteceu com o outro grupo. Mais exposição à tentação gerou menos fidelidade.
Em outro experimento, 53 fumantes foram divididos em dois grupos. Os do primeiro grupo foram instruídos a fumar antes da experiência, enquanto os demais ficaram sem cigarros durante três horas. Depois, todos eles relataram o prazer de fumar.
Alguns dias depois, a experiência foi feita novamente, Mas os voluntários tinham uma escolha: esperar 40 minutos para fumar e receber 3 euros ou fumar imediatamente e não ganhar o dinheiro. Como era esperado, os que haviam fumado conseguiram esperar – mas também avaliaram o prazer de fumar de forma mais negativa do que da primeira vez. Os demais não esperaram, mas avaliaram o prazer de fumar positivamente.
O que o estudo mostra? “Se analisarmos razão X emoção, a tendência será pensar que a cognição serve a interesses de longo prazo e à emoção ou à gratificação imediata. É como se tivéssemos um anjo em um ombro e um diabinho no outro”, explicam os cientistas.
Mas para a explicação psicológica é que a necessidade ou o desejo promovem impulsividade, mas também corrompem processos cognitivos que poderiam impedir tal comportamento. “Quando você passa por uma tentação real, sua racionalização some por um tempo e parece que agora existem diabinhos dos dois lados”, concluem.
O que a Bíblia diz sobre isso?
Tiago 1:13-15
Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta.
Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência.
Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.
Traduzido e adaptado por Gospel Prime de Yahoo News