SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (71) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (146) CLASSE MATERNAL (103) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (505) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Galeria de Fotos (12) Gospel (284) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (9) Israel (18) JARDIM DA INFANCIA (7) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (147) MODISMOS (2) Mundo (608) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3155) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA BETEL JOVENS (1) Revista Central Gospel (1) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (229) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA (111) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (110) REVISTA CLASSE JUNIORES (242) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (185) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (389) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (592) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Utilidade publica (1) UTILIDADE PÚBLICA (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

11 maio 2011

Assembleia de Deus em Teotônio Vilela faz casamento coletivo



DA REDAÇÃO
Divulgação
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Vários casais subiram ao altar
Alegria e emoção na Assembleia de Deus na cidade de Teotônio Vilela no dia 5 de maio. Vários casais subiram ao altar em mais um casamento coletivo preparado pela igreja.
O evento teve a presença do pastor Adalberto de Almeida Silva (Teotônio Vilela), do evangelista José Antônio dos Santos, do presbítero Flávio Franoli Oliveira e da cantora Nathiara.
Congregações
Galeria de imagens
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
Casamento coletivo em Teotonio Vilela
PORTAL ADALGOAS

Esposa e filha de pastor são mortos na Nigéria


Polícia informou que 12 dos 16 mortos no ataque eram crianças

Esposa e filha de pastor são mortos na Nigéria
A esposa e a filha de um pastor estão entre as últimas vítimas da violência pós-eleitoral sectária na Nigéria. Dune James Rike, esposa do Pastor James Musa Rike, morreu após ser baleada e cortada por um facão durante um ataque na vila de Kurum no Estado de Bauchi.

Sua filha de 13 anos de idade, Sum James Rike, também foi morta no ataque de extremistas muçulmanos na última quarta-feira. Pastor Rike e um casal de filhos sobreviveram ao ataque.

De acordo com o Compass Direct News, o Pastor Rike disse a sua esposa enquanto ela estava a morrer. "Mantenha a sua fé em Jesus, e nós nos encontraremos novamente".

Segundo o relatório da Compass Direct News, antes de falecer, Sum disse ao pai que os militantes haviam dito que iriam matá-la. "Você vai ver como Jesus vai te salvar", ironizaram os assassinos.

A garota respondeu aos militantes que Jesus já estava salva em Cristo e que eles poderiam até matá-la, mas desta forma ela se encontraria com Cristo.

A polícia de Bauchi disse que 12 dos 16 mortos no ataque da semana passada eram crianças. Mais de 20 casas na vila foram incendiados e objetos de valor foram roubados.

De acordo com Compass Direct News, pastor Rike disse que o ataque tinha apenas fortalecido a sua fé.

"Seja qual for a situação, eu nunca vou esquecer Cristo. Todos os seres humanos são criados por Deus, e os assassinos têm de saber que precisam abandonar tudo o que possa levá-los a destruir das criações de Deus".

O secretário geral da Associação Cristã da Nigéria de Bauchi, Rev Turbe Ngodem, disse a International Christian Concern que não é justo matar outra pessoa, pois a vida é preciosa e um dom de Deus.

"Desde 1999 no Estado de Bauchi, vários cristãos foram mortos, mas ninguém foi levado a justiça. O governo tem que intervir. Ele deve ser justo com todos os seus cidadãos".


Fonte: Christian Today 

Homossexualidade a um passo de ser motivo para pena de morte no Uganda



O Parlamento ugandês está a um passo de aprovar um projecto-lei que prevê, entre outras medidas, a pena de morte para os homossexuais.A chamada “Lei de morte aos gays”, ou Carta Anti-Homossexualidade, poderá estar em vigor no Uganda, um país onde os actos homossexuais são actualmente considerados um crime, punível até 14 anos de prisão.

O diploma, que tem vindo a ser discutido nos últimos dias entre deputados, foi apresentado há dois anos por David Bahati, político ugandês e deputado do partido Movimento Nacional de Resistência, actualmente no poder. O texto conta com o fervoroso apoio do pastor Martin Ssempa, empenhado em campanhas que defendem que a homossexualidade constitui um pecado.

Num vídeo disponível no YouTube, de 2010, podemos ver Ssempa explicar à sua audiência o porquê da criação da lei anti-gays: “Estamos a fazer legislação para ter a certeza de que a homossexualidade e a sodomia nunca verão a luz da legalidade nesta terra de África”.

Em 2009, em consequência de fortes críticas vindas de vários países, a proposta acabou por ser abandonada, mas agora o tema volta a estar em cima da mesa e as sanções podem vir a tornar-se mais pesadas para aqueles que, de acordo com o projecto-lei, são considerados “criminosos reincidentes”.

O documento prevê desde pena de prisão até pena de morte para quem mantenha relações com pessoas do mesmo sexo. E até quem, independentemente da sua orientação sexual, tenha conhecimento de alguém que seja homossexual e não o participe às autoridades – num prazo máximo de 24 horas – poderá enfrentar uma pena de prisão até três anos.

Com receio de que a lei venha a ser aprovada, foi lançada uma petição online a ser dirigida ao Presidente Yoweri Museveni, para que este declare a sua intenção de vetar a proposta.
O presidente Museveni desistiu desta lei no ano passado depois da pressão internacional ameaçar o suporte e auxílio a Uganda. Com protestos violentos varrendo as ruas, seu governo está mais vulnerável que nunca. Vamos fazer uma petição com a força de um milhão para impedir a lei da pena de morte para gays novamente e salvar vidas.
Caso você queira acianar a petição clique no link abaixo:
 Há alguns meses o ativista de direitos gays David Kato (foto acima), foi brutalmente assassinado em sua própria casa.
Em 12 horas, Uganda pode aprovar uma lei que impõe a pena de morte para a homossexualidade. Uma manifestação internacional engavetou essa lei no ano passado - nós precisamos aumentar a pressão urgentemente para pressionar o presidente Museveni a apoiar os direitos humanos e impedir essa lei brutal. Assine abaixo, e conte a todos: 
FONTE AMIGOS DE CRISTO

Pastor é preso por afirmar que homossexualismo é pecado


O jornal britânico The Daily Telegraph noticiou que um pastor foi preso depois de ter dito durante sermão na rua que homossexualismo é um pecado.

Dale McAlpine foi acusado de causar “alarme, intimidação e angústia” depois que um policial comunitário ouviu o pastor batista mencionar vários “pecados” citados na Bíblia, como blasfêmia, embriaguez e relações sexuais entre pessoas do mesmo sexo.

O pastor de 42 anos prega nas ruas de Wokington, na região de Cumbria, no noroeste da Inglaterra há anos, e disse que não mencionou homossexualismo quando fazia o sermão do alto de uma pequena escada, mas admitiu ter dito a uma pessoa que passava que acreditava que a prática era contrária aos ensinamentos de Deus.

O policial Sam Adams identificou-se ao jornal Daily Mail como um agente de ligação entre a polícia e a comunidade gay e transexual e avisou o pregador, que distribuía folhetos e conversava com as pessoas nas ruas, que ele estava violando a lei. Mas ele continuou pregando e foi levado para a prisão, onde permaneceu por sete horas.

Para um outro jornal britânico o pastor disse que o incidente foi “humilhante”.”Eu me sinto profundamente chocado e humilhado por ter sido preso em minha própria cidade e tratado como um criminoso comum na frente de pessoas que eu conheço,” disse ele ao Daily Telegraph.

Semanas atrás um juiz britânico decidiu que não há proteção especial na lei para crenças cristãs durante um julgamento de uma ação movida contra um organização que demitiu um terapeuta de casais por se recusar a atender casais gays alegando que isso seria contra seus princípios cristãos.


FONTE AD SOUSA

Fonte: Gospel Prime com informações BBC


















Salvação e batismos acontecem no círculo de oração dos jovens na Betel 2


DA REDAÇÃO
Divulgação
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
O trabalho aconteceu no dia 9 de maio e trouxe ainda renovo para quem estava presente
Jesus salvou e batizou no Espírito Santo no círculo de oração com a participação da juventude da Assembleia de Deus em Betel 2. O trabalho aconteceu no dia 9 de maio e trouxe ainda renovo para quem estava presente.
Neste dia quem pregou foi o auxiliar Jambson, da Assembleia de Deus no Tabuleiro do Martins. O trabalho é realizado todas as segundas-feiras e é frequentado por quem busca mais da presença do Senhor.
Congregações
Galeria de imagens
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2
Círculo de oração dos jovens na Betel 2

Panfletos contra Gays


Deputado Jair Bolsonaro espalha panfletos contra os defensores dos homossexuais pela cidade de Resende

Panfletos contra Gays
O Deputado Federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) espalhou panfletos contra os defensores dos homossexuais pela cidade de Resende, no interior do Rio de Janeiro.

“Com o falso discurso de combater a homofobia, o MEC em parceria com grupos LGBTs, na verdade, incentivam o homossexualismo nas escolas públicas do 1° Grau, bem como, tornam nossos filhos presas fáceis para pedófilos,” escreve o deputado no panfleto. 

O Material apresenta alguns dos 180 itens do Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT, que ele chama de “Plano Nacional da Vergonha,” onde ele diz que “meninos e meninas, alunos de 1 grau, serão emboscados por grupos de homossexuais fundamentalistas, levando aos nossos inocentes estudantes, a mensagem de que ser gay ou lésbica é motivo de orgulho para a família brasileira”.

O material ainda mostra algumas das principais figuras que defendem o movimento gay, juntamente com suas frases famosas. Entre eles estão o presidente do Grupo Gay da Bahia, Luiz Mott; o presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), Toni Reis e Beto de Jesus, integrante da executiva da entidade.

“Esse modelinho de família que o Deputado Federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) está falando aqui, é o modelo que quase não existe mais, papai, mamãe, filhinho, filhinha, família, Doriana” foi a frase citada de Beto de Jesus.

O secretário de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do Ministério da Educação (MEC), André Lázaro também é mencionado por causa de um comentário que ele fez sobre um dos vídeos que fazem parte do kit de combate à homofobia – o kit gay – planejado para ser distribuído nas escolas públicas.

Bolsonaro acrescentou também a frase de agradecimento de Toni Reis ao Deputado Chico Alencar por haver conseguido orçamento de R$ 11 milhões para atividades LGBTs, entre elas a confecção do “Kit Gay” e estímulo à Paradas do Orgulho Gay.

A manifestação de Bolsonaro vem depois da legalização da união homossexual no Brasil, reconhecendo a união entre gays como uma “entidade familiar”, nesta última quinta-feira, pelo Supremo Tribunal Federal.

A decisão abriu um precedente nacional onde juridicamente os gays podem se casar com uma união estável reconhecida pela justiça, garantindo direitos comuns a casais heterossexuais como pensão, herança, comunhão de bens e previdência.
 

Fonte: Adiberj / Creio 
 

Lição 5, A Mordomia da Igreja Local

  Lição 5, A Mordomia da Igreja Local