SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (71) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (146) CLASSE MATERNAL (103) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (505) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Galeria de Fotos (12) Gospel (284) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (9) Israel (18) JARDIM DA INFANCIA (7) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (147) MODISMOS (2) Mundo (608) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3155) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA BETEL JOVENS (1) Revista Central Gospel (1) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (229) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA (111) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (110) REVISTA CLASSE JUNIORES (242) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (185) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (389) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (592) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Utilidade publica (1) UTILIDADE PÚBLICA (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

18 maio 2011

Com peso no coração, cristãos iranianos deixam Bagdá

  
 
A população deslocada do Iraque muitas vezes depende de ajuda humanitária para sobreviver 
IRAQUE (8º) - Bassam Anis foi por muito tempo um otimista com relação ao fim da perseguição religiosa no Iraque, mas os constantes ataques contra sua comunidade cristã o convenceram de que sua terra natal, o Iraque, não lhe oferecia mais segurança. Então, em 30 de abril, ele fugiu. Sua decisão pode parecer muito radical, mas isso não é raro para os cristãos iraquianos.

No dia 31 de outubro, a Al-Qaeda comandou um ataque contra uma igreja em Bagdá. Nesse ataque, ocorreram mortes de quarenta membros da igreja, dois líderes e sete oficiais de segurança iraquianos. O ataque foi uma das piores investidas contra os cristãos no Iraque desde 2003.

Para Bassam, o ataque contra sua igreja, atingiu muito seu íntimo, pois entre os membros que foram mortos estava seu amigo Ragdah.

“Antes, eu era otimista,” diz Bassam. “Eu nunca imaginei que gostaria de deixar o Iraque, eu não poderia imaginar começar minha vida de novo em outro lugar.” Ele continua, “desde o ataque, comecei a perceber que não há esperança para esse país mais. É terrível ter que pensar assim, mas deixar o Iraque era a única solução.”

Bassam se lembra da história bíblica de Ló, que relutou em sair de Sodoma com sua família depois de ser avisado por Deus que a cidade seria destruída.

Tradução: Lucas Gregório


Fonte: Persecution
PORTAS ABERTAS

Al Qaeda aponta novo chefe interino, diz Al Jazeera


Adel coordenou a instalação de campos de treinamento da Al Qaeda no Sudão e no Afeganistão nos anos 1990

Al Qaeda aponta novo chefe interino, diz Al Jazeera
A TV Al Jazeera disse nesta quarta-feira que a Al Qaeda nomeou um líder provisório e um novo chefe de operações depois da morte de Osama bin Laden por forças especiais norte-americanas, citando um correspondente da emissora. 

Segundo uma breve notícia na Al Jazeera, o militante egípcio Saif al-Adel foi nomeado líder interino, enquanto Mustafa al-Yemeni, cuja nacionalidade não foi divulgada, iria chefiar as operações. 

Forças especiais dos Estados Unidos mataram Bin Laden, líder da Al Qaeda, a tiros em seu refúgio em um subúrbio da capital paquistanesa no começo deste mês. 

Procuradores dos Estados Unidos afirmam que Adel é um dos principais comandantes militares da Al Qaeda e ajudou a planejar os ataques contra as embaixadas dos EUA em Nairóbi e em Dar es Salaam em 1998. 

Os procuradores também afirmam que Adel coordenou a instalação de campos de treinamento da Al Qaeda no Sudão e no Afeganistão nos anos 1990. 

Um especialista na Al Qaeda disse na terça-feira que Adel provavelmente não agiria como líder da organização. 

"Esse cargo que ele assumiu não é como líder geral, mas ele está encarregado dos termos operacionais e militares", explicou Noman Benotman, ex-aliado de Bin Laden que hoje é analista do grupo britânico de pesquisa Quilliam Foundation. 

Acreditava-se que Adel havia fugido para o Irã depois da invasão norte-americana no Afeganistão que seguiu os ataques de 11 de setembro de 2001 contra os Estados Unidos, e foi posteriormente mantido sob um tipo de prisão domiciliar na República Islâmica, segundo algumas informações na imprensa. 

Segundo a mídia árabe, autoridades iranianas libertaram Adel há cerca de um ano, e ele então voltou à região de fronteira entre o Afeganistão e o Paquistão. Alguns analistas acreditam que Adel pode ter retornado ao Irã ou ao Afeganistão nas últimas semanas. 


Fonte: Terra E CPAD NEWS

Missionários serão beneficiados pelo Governo


Governo pede atenção das agências de envio e apoio a missões transculturais

Missionários serão beneficiados pelo Governo
O Ministério das Relações Exteriores (MRE) divulgou uma nota que merece atenção especial de missionários brasileiros no exterior e de suas respectivas agências de envio e apoio a missões transculturais. Trata-se de um relato das ações que o governo federal pretende executar “em benefício dos brasileiros no exterior”. 

“Foi realizada, entre 2 e 6 de maio, a primeira reunião de trabalho entre a Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior do MRE (SGEB) e o Conselho de Representantes de Brasileiros no Exterior (CRBE). Seu principal resultado foi a aprovação de um “Plano de Ação” para o biênio 2011-2012, compreendendo a realização conjunta de cerca de 100 atividades voltadas ao atendimento de demandas da diáspora brasileira. O Plano cobre as áreas de serviço e assistência consulares; políticas para as comunidades expatriadas; educação; previdência social; trabalho; saúde; assistência social e direitos humanos; cultura e comunicação; temas econômicos; e ciência e tecnologia.

Dentre as ações no Plano destacam-se a realização de semanas do trabalhador brasileiro em quatro regiões diferentes do mundo, em colaboração com o Ministério do Trabalho e Emprego; curso-piloto de capacitação de professores de português que lecionam no exterior (EUA); novo mapeamento da comunidade brasileira e de suas associações; e projeto experimental em posto na Europa de eleição de membros do Conselho de Cidadãos. Planejam-se, ainda, a participação do Ministério da Saúde em projeto-piloto para prestar assistência aos brasileiros em regiões de fronteira e iniciativas destinadas a dar maior apoio às atividades culturais, ao trabalho da mídia comunitária e a empreendedores brasileiros no exterior.

“A política do Governo brasileiro para seus nacionais no exterior vem sendo aprimorada nos últimos anos, por meio de uma série de iniciativas, para responder ao fenômeno do aumento da emigração brasileira”.


Fonte: Agência Soma ECPAD NEWS

Senadora tenta trazer de volta votação da PL 122


Após adiamento da votação, por pressão de evangélicos e católicos, Marta Suplicy tenta colocar tema em pauta

Senadora tenta trazer de volta votação da PL 122
Grupos de militantes gays de todo o Brasil realizam em Brasília a Marcha pela Aprovação do PLC 122 , nesta quarta-feira. O evento, que também se chama Marcha contra a Homofobia, recebeu impulso importante com a recente decisão do STF de desfigurar a Constituição para favorecer as uniões civis com base na sodomia.

Com o governo federal e até o STF se prostrando diante das exigências da ideologia gay, só falta agora o Congresso e o povo. O Congresso não o faz por medo do povo. O povo não o faz porque ainda lhe resta alguns valores morais conservadores — espécies em extinção ou já extintas entre as autoridades.
Se o Congresso e o povo não se dobrarem, os ativistas gays e seus aliados contam com o “jeitinho” brasileiro para aprovar o PLC 122, quer a população do Brasil queira ou não. Não fosse por esse “jeitinho”, o STF jamais teria conseguido enxergar na Constituição algo que nunca existiu: a equiparação da união estável homem/mulher com a união estável homem/homem.

Se o rolo compressor gay conseguir passar por cima do Congresso, usando o STF ou outro órgão, o povo não terá a mínima chance de escapar de um atropelamento e esmagamento social — a não ser que encare o problema de frente em muitas manifestações nas ruas. 

Semana passada o Brasil viu o adiamento da votação do PLC 122, graças às pressões de evangélicos e católicos. Mas Marta Suplicy garantiu que nesta semana, que marca o Dia Mundial de Combate à Homofobia (17 de maio), a votação ocorrerá, e os militantes gays já estão se reunindo em Brasília vindos de todo o Brasil para um grande ato pró-PLC 122 na frente da Catedral de Brasília. Há uma expectativa de que a senadora consiga levar o projeto para votação nesta quinta-feira (19).
A pergunta a ser feita agora diante do rolo compressor gay é: O PLC 122 deve ser enfrentado de forma delicada, como apenas uma mera ameaça à liberdade de expressão e opinião? Ou deve ser encarado como um perigo maior?

Há uma ideia equivocada de que o PLC 122 seja um projeto de mordaça. Mas, como bem aponta o filósofo Olavo de Carvalho, classificar o PLC 122 como mordaça é um eufemismo. A proposta do projeto anti-“homofobia” é impor punição e cadeia para todos os que discordarem da sodomia. Até mesmo pessoas não cristãs não escaparão.

Portanto, a luta do povo cristão continua. Acesse o site do Senado e envie mensagens a todos os senadores pedindo o voto contrário à PL 122.


Fonte: Júlio Severo e CPAD NEWS

Lição 5, A Mordomia da Igreja Local

  Lição 5, A Mordomia da Igreja Local