01 setembro 2014

3º Trim. 2014 - Lição 10 - O perigo da busca pela autorrealização humana I Plano de Aula

3º Trim. 2014 - Lição 10 - O perigo da busca pela autorrealização humana I Plano de Aula
PORTAL ESCOLA DOMINICAL
TERCEIRO TRIMESTRE DE 2014
FÉ E OBRAS: ensinos de Tiago para uma vida cristã autêntica
COMENTARISTA: ELIEZER DE LIRA E SILVA
PLANO DE AULA - EV. CARAMURU AFONSO FRANCISCO
ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO DO BELÉM - SEDE - SÃO PAULO/SP


PLANO DE AULA Nº 10
1º SLIDE  INTRODUÇÃO
- Na sequência do estudo da epístola de Tiago, estudaremos a passagem de Tg.4:1-10.
- A vida cristã exige a renúncia de nós mesmos.
2º SLIDE  I - A INDEVIDA PREVALÊNCIA DO EGO HUMANO
- Depois de ter falado sobre dois perigos que ameaçam a vida cristã sobre a face da Terra, quais sejam, a língua e a sabedoria animal, terrena e diabólica, Tiago fala-nos a respeito da indevida prevalência do ego humano, ou da natureza pecaminosa do homem, aquilo que o apóstolo Paulo chama de carne, que tantos transtornos causam, também, à vida cristã.
- Tiago começa a apresentação deste novo perigo para a nossa vida espiritual com uma pergunta: donde vêm as guerras e pelejas entre vós? (Tg.4:1a).
3º SLIDE
- Há, no ser humano, uma belicosidade, ou seja, um ambiente de guerra, uma luta que leva o homem não só a um conflito interior, mas, também, a um conflito com os demais seres humanos.
- O homem, em sua própria natureza, não é um ser pacífico, mas, sim, um ser belicoso, um ser que se inclina para a guerra, para a luta, para o conflito.
4º SLIDE
- Jesus, o Príncipe da Paz (Is.9:6), fez questão de prometer que daria a paz aos Seus discípulos, paz que era diferente da do mundo, porque a paz de Cristo é verdadeira, enquanto a do mundo é pura ilusão (Jo.14:27).
- Somente a paz vinda de Deus, a paz concedida por Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo pode fazer com que vivamos em paz não somente com Deus, mas também que possamos viver em paz conosco mesmos e com o próximo.
5º SLIDE
- Paz - “shalom” - significa quitar, que não temos dívidas, sejam elas da espécie que forem. Significa também - completo, íntegro, o que indica que paz significa integridade.
 - Somente teremos a verdadeira paz depois da salvação em Cristo Jesus, pois é o Senhor que nos torna a ter comunhão com Deus, completando-nos novamente, já que o homem foi criado para formar uma unidade com o seu Criador.
6º SLIDE
- No interior do homem, não há paz, porque está ele separado de Deus, mas, sim, guerras e pelejas, um conflito interno entre a carne e o espírito (Gl.5:16-26).
- Este conflito intensifica-se com a salvação, pois, no pecado, a carne sempre prevalece, mas, com a salvação, a nova criatura tem como resistir à carne.
7º SLIDE
- Esta paz que vem de Deus permite-nos superar o conflito interno sobremaneira intensificado com a nossa salvação, fazendo-nos com que desfrutemos desta comunhão que passamos a ter com o Senhor, comunhão esta que nos faz vencer o pecado e nos manter em santidade, aguardando a glorificação.
- Se não mantivermos a nossa carne crucificada com Cristo, com suas paixões e concupiscências (Gl.5:24), se deixarmos que o velho homem desça da cruz, traremos enorme prejuízo à nossa vida espiritual, pondo em risco a nossa própria salvação.
8º SLIDE
- Características daquele que se deixa vencer pela carne:
a) a cobiça – fruto da perene insatisfação;
b) a inveja – fruto do individualismo que nos faz querer mal ao próximo.

9º SLIDE  II – AS CONSEQUÊNCIAS DA PREVALÊNCIA DO EGO NO RELACIONAMENTO COM DEUS
- Quando passamos a dar vazão aos deleites, à carne, tem-se um imediato prejuízo em nosso relacionamento com Deus, que pode chegar ao ponto da morte espiritual, pois:
a) passamos a buscar desenfreadamente as coisas desta vida;
b) vivemos um sentimento de autossuficiência, um “ateísmo prático”, que nos faz parar de orar;
c) tornamo-nos petulantes espirituais, pois passamos a querer que Deus nos sirva, satisfaça nossos caprichos.
10º SLIDE
- Os petulantes espirituais são adúlteros espirituais, pois querem servir a Deus e ao mundo simultaneamente.
- Quem pede a Deus para que Este satisfaça os seus caprichos  é pessoa que pede mal e que, portanto, nada receberá, correndo, ainda, o risco de, por atentar contra a soberania divina, ser até rejeitado pelo Senhor no limite.
11º SLIDE
- Quem vai à presença de Deus para satisfazer seus próprios caprichos está amando o mundo e, portanto, o amor do Pai não está nele (I Jo.2:15).
- Estes que assim se comportam se tornam em inimigos de Deus, visto que a amizade do mundo é inimizade contra Deus (Tg.4:4).
12º SLIDE
- O caminho para impedirmos que aconteça conosco o adultério espiritual é o da humilhação, ou seja, o de nos apresentarmos diante de Deus com humildade, reconhecendo que somos menos do que nada e que dependemos de Deus em todas as coisas e que estamos prontos a fazer-Lhe a vontade, pois Ele é o Senhor e nós, pela Sua graça, nossos servos.
- Não temos que ter qualquer receio em nos humilharmos diante de Deus, pois Ele nos ama e Seu Espírito habita em nós e tem ciúmes (Tg.4:5).
13º SLIDE
- O ciúme do Espírito é o próprio excesso do amor.
- Se negarmos a nós mesmos, teremos condição de fazermos a vontade de Deus e, assim, receberemos d’Ele maior graça.
14º SLIDE     
- Deus pôs em nós algo do Seu Espírito, o qual nos leva a desejar aquilo que Deus deseja; eis como as nossas petições são atendidas (cf. Mt.18:19-20; Jo.14:13 e s.).
- Quando renunciamos a nós mesmos, não damos vazão à nossa carne, passamos a desfrutar de uma comunhão cada vez mais intensa com o Senhor e cumprimos o Seu objetivo de formar com Ele uma unidade, assim como o Pai e o Filho, de modo que, do mesmo modo que Pai e Filho são um (Jo.10:30), querendo e realizando as mesmas coisas, também passamos a querer o mesmo que Deus quer.
15º SLIDE
- O salvo em Cristo Jesus tem plena consciência de que é um servo de Deus, que Deus é o seu Senhor e, portanto, sujeita-se a Ele, faz o que Ele quer, faz o que Ele manda, não tem vontade própria, pois sabe que Deus o ama e que tudo o que Deus fizer será sempre o melhor para nós.
- A humilhação significa a sujeição a Deus, a obediência a Ele e à Sua Palavra.
16º SLIDE
- Devemos nos sujeitar a Deus e é isto que significa o que o Senhor Jesus denomina de “tomar a sua cruz e segui-l’O” (Mt.10:38; 16:24; Mc.8:34; Lc.9:23).
- Se não nos sujeitarmos a Deus, não há como chegarmos aos céus, não há como alcançarmos a glorificação.
17º SLIDE
- Quando nos sujeitamos a Deus, unimo-nos Àquele que maior do que o está no mundo (I Jo.4:4) e, portanto, temos condição de resistir ao diabo e, diante desta resistência invencível, o inimigo de nossas almas fugirá de nós (Tg.4:7).
- Para que isto ocorra, faz-se necessário que nos santifiquemos, que nos afastemos cada vez mais do pecado e do mundo e nos aproximemos cada vez mais do Senhor.
18º SLIDE
- Devemos nos chegar a Deus e Ele Se chegará a nós, mas para isto:
a) não podemos praticar adultério espiritual, precisamos “limpar nossas mãos”, ou seja, nos santificar cada vez mais;
b) não podemos ser de duplo ânimo, ou seja, não podemos vacilar entre atender aos desejos da carne e à vontade de Deus.
19º SLIDE
- Tiago recomenda-nos a purificar os nossos corações, a nos santificarmos, a usar dos meios de santificação que o Senhor nos concede para que tenhamos maior graça dele, a saber:
a) a Palavra de Deus (Jo.17:17); b) a oração (I Tm.4:5); c) o temor do Senhor (II Co.7:1) ; d) a participação digna na ceia do Senhor (I Co.11:27, “a contrario sensu”).
20º SLIDE
- Precisamos reconhecer a nossa condição pecaminosa e a nossa integral, total e completa dependência de Deus.
- Devemos sentir as nossas misérias, lamentar e chorar.
21º SLIDE
- Se nos considerarmos miseráveis, como realmente o somos, se chorarmos e lamentarmos a nossa vil condição, alcançaremos o favor imerecido de Deus, receberemos a Sua graça e desfrutaremos da glória do Senhor.
- Se, porém, nos apegarmos à soberba, à sensação da autossuficiência, se quisermos fazer a nossa vontade e não a Deus, se corrermos atrás dos prazeres carnais, se nos deixarmos controlar pela carne, tendo como meta alcançar a ilusória alegria deste mundo, que Tiago chama de riso e gozo (Tg.4:9), fatalmente perderemos a nossa salvação, cairemos no pecado e seremos seus servos (Jo.8:34).
COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - EV. CARAMURU AFONSO FRANCISCO
 http://www.portalebd.org.br/classes/jovens-e-adultos/item/3425-3%C2%BA-trim-2014-li%C3%A7%C3%A3o-10-o-perigo-da-busca-pela-autorrealiza%C3%A7%C3%A3o-humana-i-plano-de-aula.html

Ex- Deputado e ex prefeito de Patos, Dinaldo Wanderley morre vítima da Covid-19

O ex-prefeito de Patos e ex-deputado, Dinaldo Wanderley, morreu, na madrugada deste domingo (24), de Covid-19. Ele estava int...

Wikipedia

Resultados da pesquisa