SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

29 dezembro 2015

Cristãos lutam para sobreviver em Alepo, na Síria



Após guerra, estima-se que haja apenas entre 30 e 40 mil cristãos na cidade

A guerra civil da Síria mudou radicalmente a vida de dezenas de milhares de cristãos que viviam em Alepo.
 A maioria fugiu, mas alguns permaneceram. Um dos analistas daPortas Abertas encontrou-se 
com alguns deles e teve a oportunidade de ouvir sobre os detalhes.
"Eles relataram sobre as bombas que explodem constantemente, há cortes de água e ficam sem eletricidade durante vários dias. Muitos já perderam suas famílias e amigos durante os conflitos. A morte está sempre muito próxima deles. As únicas estatísticas confiáveis são as anteriores à guerra, quando havia cerca de 250 mil cristãos na cidade. Hoje em dia, estima-se que haja entre 30 e 40 mil apenas", conta o analista.
Portas Abertas trabalha com várias igrejas de diferentes denominações em Alepo, apoiando centenas de famílias, através da entrega de alimentos, medicamentos e materiais de primeiros socorros. "Nós estamos aqui para dar reforço aos que restaram, porque a igreja não deve desaparecer desse país. Não há motivos para ficar aqui, a não ser pelo resgate de vidas. Que Deus nos ajude, porque nós não vamos desistir", conclui o analista.
Fonte: Portas Abertas Internacional