SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

18 fevereiro 2016

ESCOLA DOMINICAL CENTRAL GOSPEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 7 - Revista Central Gospel


AULA EM___DE______DE 2016 – LIÇÃO 7
(Revista: Central Gospel - nº 45)

Tema: LIVRO DOS SALMOS PARTE IV (Sl 90 - 106)

Texto Áureo: Salmo 91.1,2
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição destaque os ensinamentos que fazem a diferença na vida dos crentes, o saber aguardar o tempo de Deus, por exemplo.
“exaltam a grandeza de Deus”, nessa parte se dirige a Deus como o soberano e todo poderoso.
“exceção de três capítulos”, não é comum se referir aos Salmos como capítulos. Para os comentaristas e eruditos da Bíblia, cada capítulo é um salmo à parte.
“90 (escrito por Moisés)”, durante a caminhada no deserto em direção a Terra Prometida.
_______________________________________________
1. A ETERNIDADE DE DEUS E A FINITUDE DO HOMEM
“cansado de peregrinar”, eles caminharam quarenta anos no deserto.
“corriam o risco de fenecer sem ver concretizada”, uma das características dos salmistas é a fraqueza na fé.   
“concomitantemente”, ao mesmo tempo.
“seres limitados à cronologia”, seres que sofrem a ação do tempo e se Deus demorasse em socorrer, eles sucumbiriam.

1.1. O Deus eterno
“não declarou que Ele existe”, nas Escrituras não há a preocupação de se afirmar a existência de Deus, mas os textos foram escritos para quem já acredita e espera Nele o socorro.
“Antes que Abraão existisse”, tempo humano “kronos”.
“eu sou”, tempo de Deus “kairós”.

1.2. O homem mortal
“existência humana com a brevidade do sono”, em contraste com a grandiosidade de Deus expressa no mesmo salmo. Estes salmos mostram como é importante declararmos o poder de Deus e pequenez do ser humano nos nossos louvores.
“a vida passa depressa”, essa realidade era muito mais forte na época de Moisés, pois a expectativa de vida era bem menor em relação a hoje.

1.3. Esperando o tempo certo do Senhor
“quando o Senhor intervirá”, enquanto o Senhor não age o servo de Deus fica apreensivo e só a fé fica em evidência, por isso às vezes Deus tarda a responder.
“que o Senhor agirá de forma certa, no tempo propício”, em algumas situações se o Senhor agir cedo o servo não aprende algo importante e deixa de ganhar uma experiência, mas agir no tempo certo todos ganham, principalmente a obra de Deus.
____________________________________________
2. A SEGURANÇA NO DEUS ETERNO
- “forte tom messiânico”, quer dizer que nele temos a impressão de sermos ministrados acerca da vinda do Messias. Professor(a), note que o estudo mudou para o salmo 91.

2.1. O esconderijo do Altíssimo
“cultivar a intimidade com Deus”, nesse tópico está expresso como podemos cultivar a intimidade com o Senhor, veja: “vida de oração, leitura da Palavra, adoração e obediência”.
“protege-nos do dia mal”, esse dia mal pode ser o dia da adversidade como também o Dia do Senhor, quando será derramado juízo sobre a Terra na Grande Tribulação.
“nem a descrença nem o pecado podem chegar”, não é somente a perseguição física e os perigos dessa vida que afetam a vida do crente, mas também o pecado e a falta de fé, nos últimos dias esses são os maiores problemas na vida dos servos de Deus.

2.2. O livramento em todo tempo
- “linguagem bélica” bélico é relativo a guerra, quer dizer que o salmo 91 tem uma linguagem de contexto de guerra.
“o salmista estava acostumado”, provavelmente foi uma pessoa que viveu nos tempos das guerras do rei Davi.
“interpretados como batalhas travadas pelos cristãos”, é uma tipologia, o salmo 91 deve ser entendido hoje dessa forma, como mensagens para nós acerca das batalhas do mundo espiritual.

2.3. Promessa messiânica
 - “Satanás faz referência”, é como se o inimigo declarasse que o salmo 91 se refere a Jesus. Essa é uma verdade e pode ser usada como objeto de estudo e comprovação teológica, porque Jesus não retrucou essa afirmação, apenas fez uma outra.
“áspide”, é uma espécie de víbora venenosa.
________________________________________
3. O DEUS QUE REINA SOBRE TODA A TERRA
“Deus como soberano criador”, que tem poder e autonomia para fazer o que quiser.
“provedor do fôlego de vida”, se referindo ao fato de o Senhor ter soprado nas narinas do homem no ato da Criação.

3.1. Deus, o Criador presente
“ser transcendente em Sua essência”, transcendente quer dizer que ultrapassa os limites da natureza.

3.1.1. Deísmo versus Panteísmo
- “deísmo”, é a filosofia de que Deus criou o universo e o deixou a própria sorte.
“imanência”, aquilo que é próprio do Senhor e não é transmitido a Sua criação.
“panteísmo”, é a ideia filosófica de que Deus está em tudo o que tem vida, o budismo acredita e prega essa filosofia.

3.2. A natureza clama
“os clarões”, se refere aos relâmpagos de uma tempestade, o contexto do salmo 104 fala de um temporal.

3.3. O papel do cristão
“grande algoz da criação”, aquele que mata, que destrói, assim é o homem na sua natureza caída. Ele investe contra a natureza criada por Deus.
“atos irracionais contra ele próprio”, um caso recente foi a morte do ria Doce em minas devido a queda da barragem que destruiu o distrito de Bento Gonçalves em Mariana-MG.
“responsabilidade em relação a natureza”, os crentes devem também cuidar do meio ambiente. Quando se joga lixo na rua está se contribuindo para uma enchente no local, quando se desperdiça água está se promovendo a falta desse elemento essencial à vida. Existem muitas formas de preservação.
______________________________________
CONCLUSÃO
- Faça o seu resumo e exponha à classe.
- Corrija o questionário.

Boa aula!

Marcos André – professorhttp://marcosandreclubdateologia.blogspot.com.br/2016/02/escola-dominical-central-gospel-esboco_13.html