SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

25 abril 2016

Dinâmica da Lição 05: O Sumo-Sacerdote e os sacerdotes (Juvenis)



Professores e professoras observem alguns pontos importantes e valiosos para o bom crescimento e desenvolvimento de seu aluno e de sua sala:
1– Procure manter os dados pessoais de seus aluno(a)s sempre atualizados (endereço, telefone, e-mail, redes sociais, etc)
2– Antes de iniciar a aula procure se aproximar de cada aluno de sua classe:
- Cumprimente-os, abrace-os.
- Procure saber como foi a semana de cada um deles, e escute-os.
- Preste bastante atenção se há alguém que precise de algum tipo de atenção ou oração especial.
- Observe se existe algum visitante e/ ou aluno novato e faça-lhes uma apresentação muito especial para que ele sinta-se desejoso de voltar a sua sala.
3– Aconselhamos que antes da aula procure ver com seu secretário o nome dos aniversariantes para que após a aula você possa parabeniza-los, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo ou quem sabe uma simples lembrancinha.
4– Ao final da aula procure ver com o secretário de sua sala o nome das pessoas ausentes e durante a semana separe um momento onde você possa entrar em contato com ele(a), por meio de uma visita, um telefone ou rede sociais.
5– É importante que você como professor entenda a importância de cada atitude como a que recomendamos logo acima, a fim de que você possa desenvolver um vínculo afetivo com cada aluno, ele compreenderá o quanto você o ama e se importa com ele.
- Ao preparar a aula, você precisa lembrar que seu alvo é ensinar a palavra de Deus a fim de transformar a vida dos alunos. Para isso, tenha sempre em mente o que eles precisam saber, sentir e agir.
- Este é um momento de grande importância, quando você deverá atrair a atenção e o interesse da classe para o que será ensinado.
6 - Não esqueça que ministrar uma aula não significa apenas transmitir um amontoado de informações teológicas ou conhecimentos puramente pessoais sem a interação com a classe. É importante que os alunos sejam incentivados a participar no processo de aprendizagem.
- Apresentem o título da lição: O Sumo-Sacerdote e os sacerdotes.
– Agora, trabalhe o conteúdo da lição. – Para isso é importante que você apresente estratégias que estimule a participação dos alunos, valorize o conteúdo, reforce as aplicações e facilite a aprendizagem. Portanto, para não perder de vista o alvo da lição, use a criatividade, apresente domínio da matéria e observe se os alunos estão entendendo o assunto.
- Para o encerramento da aula, aplique a dinâmica “A Sexualidade do jovem cristão”.


Dinâmica: O sacerdócio cristão

Objetivo:
Mostrar a necessidade do crente em fazer uma entrega completa a Deus.
Material didático:
Quadro
Papel 40 kg
Papel ofício ou A4
Lápis ou caneta
Figura de um sacerdote
Fita adesiva
Uma lixeira
Atividade didática:
Inicie mostrando que a importância e a grandeza do sacerdócio no Antigo Testamento é tão elevada e significativa em sua essência, que são vários os textos que fazem menção a tão glorioso oficio. O povo hebreu orientado, formado e capacitado por Deus a respeito do ofício Sacerdotal Levítico. O ofício próprio do sacerdote era ser mediador entre Deus e o povo, ele era o responsável para oferecer a Deus sacrifício pelo povo e de alguma forma satisfazer a Deus cobrindo os seus pecados.
Na era cristã o Sumo-Sacerdote da Igreja é Jesus Cristo. A Bíblia fala que há também os sacerdotes ministeriais, são os ministros ordenados por Deus para cuidar do seu rebanho. No entanto as Escrituras afirma que somos um povo de reis, sacerdotes e profetas. Exercemos o sacerdócio comum cabível a todo cristão. E como tal somos chamados interceder e a ser, através do meu corpo, um sacrifício vivo, uma oferenda viva a Deus.
- Cole a figura do sacerdote na folha de papel 40 kg. Em seguida fixe a folha no quadro.
- Distribua folhas de papel ofício para os alunos.
- Solicite dos alunos que escrevam ações que normalmente as pessoas praticam quando estão vivendo o sacerdócio cristão e ações que não deveriam ser praticadas ao vivenciar o sacerdócio cristão. Informe que não tem problema escrever todas juntas.
- Peça para que os alunos recortem essas ações e fixem os papéis com fita adesiva em cima da figura do sacerdote.
Em seguida diga que o livro de Apocalipse declara que os cristãos são feitos "sacerdotes para Deus" por meio da fé na obra consumada de Cristo na cruz (Ap 1:6; 5:10). No cristianismo o cristão exerce seu sacerdócio ao interceder por alguém e ao oferecer o seu corpo em sacrifício de santidade ao Senhor. A qualquer momento um cristão pode entrar na própria presença de Deus em oração desempenhar seu papel de sacerdote.
- Solicite para que os alunos retirem os papéis contendo atitudes que não condizem com uma vida de um sacerdote cristão e coloquem na lixeira. Antes de colocar na lixeira leia em voz alta para que todos ouçam que atitudes são essas. Informe que colocar na lixeira significa a retirada, o descarte daquilo que não serve para o cristão que deseja viver uma vida como sacerdote do Senhor, simbolizando a limpeza, a pureza, a consagração requerida por Deus para todo o cristão.

- Agora, fale:
Já que foram retiradas as coisas inadequadas para um sacerdote cristão, então vamos agora ler em cima do corpo aquilo que deve permanecer: o que é bom e apropriado para o cristão viver uma vida de sacerdote do Senhor. Ser sacerdote é, ao mesmo tempo, se separar do mundo e se envolver com Jesus. Como diz o texto de Romanos 12.1: "...apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus...".

SACRIFÍCIO VIVO: fala da nova vida que só pode vir por meio de Jesus! Somente quem vive o sacerdócio cristão pode se apresentar como sacrifício vivo.

SACRIFÍCIO SANTO: é uma oferta com base na santidade de Deus. Você não pode querer se dedicar a Deus se tem vivido uma prática de pecado ou vivido na mistura e contaminação das coisas desse mundo. Deus só recebe o que é santo. Oferta manchada não serve porque nosso Senhor é Santo!

SACRIFÍCIO AGRADÁVEL: é aquele que tem como base a vontade de Deus e não nossa própria vontade! Isso significa que a satisfação daquilo que queremos não é consagração. A disposição de buscar a vontade de Deus e decidir viver segundo o que Ele quer é um sacrifício agradável!

- Para finalizar, diga:
Quais são os resultados de um jovem que vive o sacerdócio cristão?

* Nós nos tornamos propriedade exclusiva de Deus (I Pe 2:9)
* Descobrimos qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus (Rm 12:1-2)
* Tornamo-nos santos, separados para Deus (Lv 27:28).



Professor, antes de dar esta aula pesquise com muito afinco todos os pontos abordados em seu Plano de Aula, pois não adianta falar só de achismo, ou porque conheceu este Blog e acha suficiente para dar aula. Entenda que eu não conheço a realidade social, psicológica, física e espiritual de seus alunos, por isso, tente chegar no âmago das dúvidas de seus alunos, não os faça de meros espectadores de um "show" de conhecimento, pois isso não será suficiente, o conteúdo precisa de aplicabilidade para a situação de vida de seus alunos e isso é o mais importante. Deguste à vontade o conhecimento, mas não ache que irá inculcá-lo de uma hora pra outra nos seus alunos, por isso procure ser criativo na exposição do assunto.

Desejamos que esta aula seja portadora de grandes frutos para vida de seus alunos!

Por Roberto José.
http://www.ensinadorcristao.com.br  todos os direitos reservados.

LIÇÃO 08 - A IGREJA DE CRISTO / SLIDES DA LIÇÃO / REVISTA CLASSE ADULTOS

BAIXAR SLIDES LIÇÃO 08 - A IGREJA DE CRISTO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AS 10 MAIS VISITADAS