SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

22 junho 2017

A Esperança renascida no Vale de Ossos secos em Ezequiel




Wilma Rejane

Veio sobre mim a mão do Senhor, e ele me fez sair no Espírito  e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos. E me fez passar em volta deles; e eis que eram mui numerosos sobre a face do vale, e eis que estavam sequíssimos. E me disse: Filho do homem, porventura viverão estes ossos? E eu disse: Senhor DEUS, tu o sabes. Então me disse: Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor. Assim diz o Senhor DEUS a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis. E porei nervos sobre vós e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que eu sou o Senhor.Então profetizei como se me deu ordem. E houve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se achegaram, cada osso ao seu osso. Ezequiel 37:1-7


A mensagem em Ezequiel fala literalmente sobre:

I-  A revitalização de Israel, pois, naquela época as tribos haviam se espalhado; Judá, Benjamin e Levi  levadas em cativeiro para Babilônia. Era tempo de angústia. Jerusalém estava em ruínas, as tribos espalhadas entre as nações, parecia o fim de um povo. O vale de esqueletos era como um raio x de Deus sobre Israel: um Israel triste e abatido. Deus, porém revigoraria Israel, transformando-o novamente em uma nação.

II- Também fala do Israel espiritual,  igreja de Cristo, composta por pessoas renovadas pelo Espírito Santo. Pessoas que outrora estavam perdidas, mortas em pecados, e atenderam ao chamado de arrependimento. Estes, em Cristo, venceram a morte. 

Delimitados os temas literais da mensagem em Ezequiel, podemos aqui abordar outros aspectos igualmente importantes presentes na passagem do Vale de Ossos secos. São observações que ampliam nosso olhar sobre a cena, a fim de aprendermos mais com Deus, fortalecendo-nos em fé e obediência. 


Detalhando aquele vale

O Vale de ossos secos, apresentado por Deus ao profeta Ezequiel é uma visão de horror, evocada para trazer esperança, a esperança revivida do pó de cadáveres, uma esperança que somente Deus pode dar, nada nem ninguém seria capaz de adentrar naquele ambiente para ressuscitar aquelas pessoas. 

Um vale fica entre montanhas, olhar para o alto quando se está em um vale pode ser animador, porque enxerga-se uma saída, um horizonte diferente que indica mudança. É isso que nos diz um conhecido Salmo: “ 121:1 Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro? 2 O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra”. Os esqueletos não podiam ver, então Deus envia Ezequiel para que eles possam ouvi-lo.

Outro aspecto que chama minha atenção é o dos esqueletos estarem ao ar livre, sobre a terra e não enterrados. E eles estavam sequíssimos! 

Ezequiel rodeia aqueles esqueletos, se põe entre eles, fala com eles!


A grandeza dos detalhes

Refletir sobre a mensagem de Ezequiel sobre o vale de ossos secos é contemplar Deus na história da criação humana e das nações em todas as épocas. Israel foi um povo perseguido, espalhado, foram  mortos aos milhões no Holocausto nazista, contudo, se ergueu novamente como Nação em  14 de maio de 1948. Israel é uma referência profética desde o início e assim será até o fim dos tempos. Porque assim como a Mão de Deus estava sobre Ezequiel naquele vale, está também sobre Israel.

Interpreto os esqueletos sobre a terra como sendo um estado provisório, ossos em decomposição, porém que aguardam uma resolução. É como se Deus tivesse-os sob seu olhar, um olhar que os rodeia, que se põe entre eles, observa atentamente a fim de reverter aquele estado terminal. A seu tempo. 

A sequidão dos ossos indica muito tempo de morte, e ainda assim Deus os transforma em corpos saudáveis, com tendões, carne, pele, músculos, vida!!! Isto significa Redenção, algo que acontecerá com o Israel Físico e com a Igreja (Colossenses 1: 13,14 – Romanos 11:26).

Lições para todos os dias

Não há coisa alguma impossível para Deus (Lucas 1:37). Se há determinadas áreas em nossas vidas que se assemelham aquele vale de ossos secos, Deus é a esperança e a certeza de restauração. 

Deus perguntou a Ezequiel: 
- Porventura viverão estes ossos?
 Ele disse: - Senhor Deus, tu o sabes.

Ezequiel era um homem de fé. Ele sabia que Deus não operava seguindo lógica humana, pois, em uma visão meramente humana, aqueles esqueletos jamais voltariam a viver. A resposta estava com Deus que criara todas as coisas e o homem do pó da terra ( Gênesis 2:7). Terra e osso não eram um fim para Deus, mas um começo, recomeço, matéria-prima para milagres!

Quantas vezes queremos perder as esperanças porque não vemos saída, não conseguimos enxergar nada mais além de um vale de morte. Não vemos montes, nem horizontes. Nos sentimos abandonados, esquecidos. Mas Deus está atento, Ele diz: “ouçam a minha voz, ela está presente também nos vales ”. 

Continuemos orando pela salvação de nossa família. Continuemos firmes nos caminhos do Senhor na certeza de que Ele vela por nós, conhece nossas angústias e sofrimentos e Ele nos ama. Aqueles esqueletos estavam na superfície, visíveis, ao alcance porque Deus agiria de modo milagroso sobre eles! Claro que não há distância ou profundidade onde Deus não chegue. Ele ressuscitou a Lázaro, de Betânia, quando este estava no túmulo (João 11). Lázaro estava na tumba, envolto a lençóis e uma pesada pedra fechava seu túmulo, mas todos esses acessórios de morte não foram capazes de esconder Lázaro do olhar de Deus, para Deus Lázaro estava como aqueles esqueletos: na superfície, aguardando a redenção!

Deus o abençoe.http://www.atendanarocha.com

LIÇÃO 04 - O SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO / SLIDES DA LIÇÃO / REVISTA DA CLASSE ADULTOS

BAIXAR SLIDES LIÇÃO 04 - O SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AS 10 MAIS VISITADAS