SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Marcadores

Aborto (11) ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL (5) Adolecentes Cristão (2) ADPB (1) ADULTÉRIO (2) Agradecimento (1) Aniversario (10) Apologética Cristã (10) Arqueologia (1) As Inquisições (1) Assembleia de Deus (5) Barack Obama (2) Batismos (29) Bíblia (3) Brasil (48) Casamento (25) CGADB (19) Ciência (6) Círculo de Oração (5) CLASSE BERÇÁRIO (26) CLASSE DOS DISCIPULANDOS (55) CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL (71) CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL (146) CLASSE MATERNAL (103) Congresso (49) CPAD (6) Cruzada (3) Curiosidades (3) Cursos (3) Departamento Infantil (5) Depressão (2) Desaparecido (4) DESENHOS BIBLICOS (1) Desfiles (3) Dia do Pastor (4) Discipulado (64) Divórcio (4) EBD (20) EBO (21) Escatologia (2) Estudantes (2) Estudos (505) Eventos (118) FALECIMENTO (5) Família (16) Filmes (18) Galeria de Fotos (12) Gospel (284) Gratidão a Deus (1) Hinos Antigos (3) História (4) Homenagens (3) Homilética (4) Homoxesualismo (3) Ideologia de Gênero (12) Idolatria (3) Inquisição (2) Islamismo (9) Israel (18) JARDIM DA INFANCIA (7) LIção de Vida (2) Louvor (1) Luto (42) Maçonaria (3) Mães (3) Mensagens (56) Ministério (34) Missões (147) MODISMOS (2) Mundo (608) Mundo Cristão (178) MUSICAS EVANGÉLICAS (3) Namoro Cristão (8) Noivados (1) Notícias (3155) Obreiros (9) ONU (4) Oração (1) Pneumatologia (1) política (121) Psicopedagogia (3) Pureza sexual (8) Realidade Social (17) Reforma Protestante (4) RELIGIÕES (3) Retiro (4) REVISTA BETEL JOVENS (1) Revista Central Gospel (1) REVISTA CLASSE PRIMARIOS (229) REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES (267) REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES (280) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA (111) REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA (110) REVISTA CLASSE JUNIORES (242) REVISTA DA CLASSE JOVENS CPAD. (185) REVISTA DA CLASSE JOVENS. (319) REVISTA DA CLASSE ADULTOS (872) REVISTA DA CLASSE JOVENS E ADULTOS (391) REVISTA DA CLASSE JUVENIS (262) Revista Maternal (63) Santa Ceia (3) Saúde (45) Seminário (4) Sexualidade (7) Subsídios (1507) Subsídios EBD (1900) Subsídios EBD Videos (592) Templos (3) Teologia (5) Testemunho (1) TRANSGÊNEROS (2) Utilidade publica (1) UTILIDADE PÚBLICA (2) Vida de Adolecente (5) videos (106) Virgilha (1)

01 maio 2012

GIDEÕES 2012 AO VIVO - TV GIDEÕES: PAVILHÃO



Assista aqui a transmissão ao vivo dos cultos do 30º Congresso Internacional de Missões realizados no pavilhão.
I

Fórum de Ciências Bíblicas



Evento acontecerá em junho e falará sobre Bíblia e Missões


Fórum de Ciências Bíblicas
A Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) realizará, nos dias 21 e 22 de junho, o VIII Fórum de Ciências Bíblicas. O evento reunirá especialistas de renome internacional em torno do tema Bíblia e Missões, que pretende focar a Bíblia Sagrada sob dois ângulos: como texto para o estudo de missões e como ferramenta missionária. Contando com oito painéis, o encontro acontecerá no Centro de Eventos de Barueri (SP), onde está localizado o Museu da Bíblia (MuBi).

 “A nossa expectativa é dar visibilidade a ações que têm sido realizadas em prol da Causa da Bíblia no Brasil e no mundo, estimulando o compartilhamento de conhecimentos e das ferramentas necessárias para sua execução”, afirma Erní Seibert, secretário de Comunicação e Ação Social da SBB. O evento é voltado a professores e estudantes de Teologia, Ciências da Religião e Linguística, estudiosos da Bíblia, lideranças religiosas e cristãos em geral.

No dia 21 de junho, na abertura do evento, será inaugurada a nova exposição do MuBi, que também terá como tema Bíblia e Missões.

Confira a programação completa do VIII Fórum de Ciências Bíblicas

Endereço: Centro de Eventos – Museu da Bíblia 

Av. Pastor Sebastião Davino dos Reis, 672, Vila Porto, Barueri (SP)

Data: 21 e 22 de junho

Horário: 14h30 às 21h30

Informações: (11) 3474-5827 FONTE SBB

Jovens acreditam mais na evolução do que em Gênesis



Pesquisa mostra que mais de 70% afirmaram acreditar nas doutrinas de sua religião



Jovens acreditam mais na evolução do que em Gênesis
A Bíblia, em Gênesis, afirma que Deus criou o homem, os animais e tudo mais, do jeito que existe hoje, mas a maioria dos jovens estudantes brasileiros, em torno de 15 anos, acredita na evolução biológica das espécies, conciliando, assim, religião com ciência. 

É o que sugere uma pesquisa do biólogo Nelio Bizzo, professor da Faculdade de Educação das USP. Suas conclusões estão baseadas nas respostas a um questionário de 23 perguntas submetido a 2,3 mil alunos do ensino médio de escolas públicas e privadas de todas as regiões do país. 

Do total dos alunos, mais de 70% afirmaram acreditar nas doutrinas de sua religião. Entre eles, o número de católicos representaram 52%, o de evangélicos, 29% e os sem religião, 7,5%.

A maioria (64%) concordou com a afirmação de que “as espécies atuais de animais e plantas se originaram de outras espécies do passado”.  Bizzo afirmou que tal resultado surpreende porque mostra que os jovens religiosos são menos fundamentalistas do que se imaginava. 

Disse que a percentagem dos estudantes que rejeitam completamente a origem biológica do homem é menor que a de evangélicos, que é o grupo de religiosos mais fundamentalista em relação à interpretação de Gênesis. 

“A teoria evolutiva é talvez a coisa mais difícil de ser aceita do ponto de vista moral pelos religiosos, mas mesmo assim os dados mostram que a juventude brasileira é sensível à ciência”, afirmou. 

A crença religiosa se impôs mais nas questões que trataram na origem específica do homem. Do total dos estudantes, 44% concordaram que a origem do homem é igual a dos demais seres biológicos (“reações químicas que transformaram compostos inorgânicos em orgânicos “) e 45% discordaram. Houve, portanto, empate técnico. 

Na avaliação de Bizzo (foto), se mantiver a atual tendência, cada vez mais os brasileiros religiosos vão interpretar de maneira flexível os textos bíblicos, ao mesmo tempo em que terão uma compreensão “mais sensível” da ciência. 

De acordo com ele, isso ocorrerá inclusive em consequência de um maior conhecimento sobre a Teoria das Espécies, de Charles Darwin (1809-1882), autor do livro “A origem das Espécies”, segundo o qual todos os seres evoluíram por intermédio da seleção natural a partir de um ancestral comum.

Uma pesquisa de 2010, do Datafolha, já revelava que 59% de pessoas acima de 16 anos acreditavam na explicação científica para a origem da vida.
 
Fonte: Missão em Cristo

Oprah diz que é cristã mas criticos rebatem espiritualidade



Apresentadora americana faz declarações sobre sua fé na mídia



Oprah diz que é cristã mas criticos rebatem espiritualidade
Embora já tenha criado no passado revolta entre os cristãos, ao sugerir que Jesus não é o único caminho, Oprah Winfrey agora confessou por duas vezes em seu novo programa, “Lifeclass”, ser cristã. O site Black Christian Network afirma que isso é prova suficiente de sua fé em Cristo. Winfrey começou fazendo a introdução do show no Radio City Music Hall. O tema do dia era “Soluções Espirituais: Mestre da Nova Era, o guru Deepak Chopra”.

“Eu não estou falando de religião. Eu sou cristã. Essa é a minha fé. Não estou pedindo para vocês serem cristãos. Mas se você quiser ser um eu posso mostrar-lhe como é. No entanto, não é necessário. Eu respeito todas as formas de fé. Todas as religiões. Mas o que eu estou falando não é de fé ou religião. Estou falando de espiritualidade “, disse Winfrey. Winfrey disse que sua definição de espiritualidade é viver a vida com o coração aberto, através do amor, e permitir alinhar com os valores de aceitação, tolerância, harmonia, cooperação e respeito pela vida. Ela disse que acredita que há um “fio divino” que nos liga espiritualmente para algo maior que nós.

“Meu verso favorito da Bíblia é Atos 17:28. “‘Pois nele vivemos, nos movemos e existimos’, como disseram alguns dos poetas de vocês: ‘Também somos descendência dele’.” E você sabe por que sou uma pessoa tão bem sucedida? Porque eu sabia, aos quatro anos de idade… que não seria quem sou hoje sem uma consciência espiritual, sem valores espirituais e, finalmente, sem amor espiritual”.

Para o site Black Christian News Network é necessária a defesa da sinceridade de sua confissão: “Nós agora sabemos que algumas pessoas duvidam da profissão de fé da Oprah em Cristo. Alguns já disseram coisas negativas sobre isso… Os fariseus dizem tudo isso, mas por favor, entenda que é a OWN [canal de Oprah] não é uma emissora cristã. É uma rede de TV para todos. É o negócio dela, e nós, como cristãos, sabemos como funciona quando precisamos fazer negócios em um mundo secular. Então, isso não diminui sua fé em Cristo”. A BCNN agradeceu, os pastores Tyler Perry, TD Jakes, e outros que sabiamente reconheceram a declaração pública de Winfrey como testemunho de sua fé em Cristo perante o mundo.

“Nós acreditamos que Oprah pode influenciar milhões de vidas para seguirem o Cristo que a salvou”, escreveu BCNN. “Queremos incentivar todos os cristãos a orarem por Oprah à medida que ela cresce em sua fé cristã.”Mas nem todos estão convencidos disso. Seus críticos afirmam que ela realmente professa uma forma de panteísmo, o ensinamento de que Deus é tudo e todos, uma força abstrata e não um Ser pessoal.“Quando Oprah e outros se referem a Deus, falam de uma força impessoal”, explica o apologeta cristão Josh McDowell. “Eles dizem… ‘Olhe dentro de você e irá encontrar-se a partir do seu interior. Encontrar sua consciência de Deus. Isso é Deus”, disse.

McDowell escreveu um livro em co-autoria com Dave Sterrett sobre o tipo de espiritualidade ensinado por Oprah. Para ele e para muitos teólogos apenas uma declaração pública não é o suficiente para alguém ser um cristão genuíno.
 
Fonte: Creio

ENCONTRO DE GERAÇÕES - AD MAMANGUAPE



Avô, pai e filho celebram Casamento e Batismo em Mamanguape
Hoje, 29 de abril de 2012, no Templo Central da IEAD/Mamanguape-PB, a partir das 08:00 da manhã, realizou-se o triplo evento: CASAMENTO, EBD, BATISMO. Eventos como este ocorrem entre três e quatro vezes por ano. A novidade deste, em especial ficou por conta dos celebrantes. Além dos evangelistas da igreja que normalmente auxiliam nas celebrações, o Ev. André Gomes, filho do Pr. Arquimedes Gomes; que foi consagrado para Evangelista no dia 28 de janeiro deste ano; realizou pela primeira vez a celebração de casamento. 12 (doze) casais regularizaram as suas vidas matrimoniais perante Deus e a sociedade.

Na celebração do batismo a novidade foi ainda maior. 62 (sessenta e dois) novos membros desceram às águas batismais e a celebração foi realizada pelos pastores: Pr. Arquimedes Gomes (pastor da Igreja e 2º Vice-Presidente da COMADEP), Ev. Raimundo Henrique Sobrinho (pai do Pr. Arquimedes Gomes), Ev. André Gomes (filho do Pr. Arquimedes Gomes). Um momento especial na vida desta família abençoada que de muitas maneiras Deus tem usado para abençoar a IEAD nesta cidade.

Deus já havia dado ao Pr. Arquimedes a sublime oportunidade de na sua consagração ao presbitério (25/08/1986), dobrar o joelho ao lado de seu pai, quando os dois receberam juntos, a consagração para servirem ao presbitério da igreja. Deus também lhe deu a oportunidade de participar da consagração do seu pai ao Santo Ministério de Evangelista, lhe presenteando com a oportunidade de impor as mãos para sua consagração e de recentemente impor às mãos para consagração de seu querido filho André Gomes. São promessas de Deus sendo cumpridas de geração e geração.
Clique aqui para conferir as fotos do Casamento
Clique aqui para conferir as fotos do Batismo
Assista o Vídeo    FONTE AD MAMANGUAPE

52ª EBO - Escola Bíblica de Obreiros em Paulistana



A Igreja E. Assembléia de Deus de Paulistana foi anfitriã da 52ª EBO "O Obreiro e a transparência no Ministério.", o evento foi realizado durante os dias 26,27 e 28/04. na  cidade de Paulistana - PI.

Centenas de pessoas lotaram o Templo Central da Assembleia de Deus em Paulistana -Pi, no culto de abertura o Pastor Carlos Alberto, presidente da Assembleia de Deus em Paulistana conduziu a cerimônia de abertura que teve Entrada de Bandeiras, Louvores, apresentações teatrais e a mensagem da Palavra de Deus.

Uma peça teatral, representada por irmãos da Igreja local, destacou a importância da união entre Igreja e Pastor, comparando-a como um casamento que se celebra na presença de Deus.

Um dos momentos mais esperados da noite foi a mensagem da Palavra de Deus. Ministrada pelo renomado Pastor Elienai Cabral, que baseado no texto de Ezequiel 37- "A visão do Vale de Ossos Secos", levou a igreja à uma profunda reflexão acerca de  "em que estado espiritual estamos vivendo?", ressaltando que Deus tem poder para restaurar e transformar todo e qualquer estado em que se encontre A Igreja, o obreiro ou o crente, mesmo que aos olhos do homem isto lhe pareça impossível.

A presença do Espírito Santo foi notória durante toda a mensagem e ao final dela, quando numa oração ministrada pelo Pr. Carlos Alberto muitos obreiros foram à frente receber mais poder e ousadia para conduzirem seus ministérios.
Pastores de todo Piauí estiveram presentes, e de outros estados como Maranhão, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Pernambuco e Brasília. Do Piauí 29 superintendências da AD marcaram presença.

Os dias seguintes os trabalhos aconteceram normalmente com estudos Bíblicos e cultos de adoração a Deus. Ao final, o sentimento foi de muito júbilo e a certeza de que foram dias de intenso agir de Deus na Convenção da Assembleia de Deus do Piauí.


 


 

fonte http://www.adfloriano.com

Festa de Mocidade na Congregação da Desembargador


O Departamento de Mocidade da AD Congregação Desembargador, através de sua liderança Dc. Alex Wilde e o Aux. Cristiano, realizou no último dia 28 (sábado passado), mais um aniverário do Círculo de Oração de Mocidade e do Conjunto Esperança da Glória.

Houve reunião a tarde com orações, louvores e estudo da Palavra de Deus, e a noite Culto de Encerramento onde esteve presente uma representação de jovens de Mossoró, além da participação da igreja do campo de Areia Branca.

O pregador do trabalho a noite foi o Dc. Fábio (Mossoró), uma vida aceitou a Jesus como Salvador e um crente foi batizado com o Espírito Santo. Amém!

Veja algumas fotos dop trabalho a noite:

























fonte  http://www.evangelhoquesalva.com

AD Em São Cristovão Realiza Culto Infantil



A Assembleia de Deus em São Cristovão, realizou no último sábado, dia 28, um abençoado ''Culto Infantil'', sob a lideranças das irmães: Gilvanete, Carla, Flavia e Thabata, o tema do culto foi a ''crucificação de Cristo''. O momento especial do culto ficou por conta de uma apresentação teatral da cruficação, a igreja se emocionou ao relembrar da tragetória do mestre. O departamento infantil está de parabens.
fonte  cleitonalbino.blogspot.com.b

LIÇÃO 6 - TIATIRA, A IGREJA TOLERANTE


 

Lições Bíblicas do 2º Trimestre de 2012 - CPAD - Jovens e Adultos
“As Sete Cartas do Apocalipse — A mensagem Final de CRISTO à Igreja”.
Comentários da revista da CPAD: Pr. Claudionor Correa de Andrade
Consultor Doutrinário e Teológico da CPAD: Pr. Antonio Gilberto
Complementos, ilustrações, questionários e vídeos: Ev. Luiz Henrique de Almeida Silva
QUESTIONÁRIO
 
 
TEXTO ÁUREO
"Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? E que concórdia há entre CRISTO e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel?" (2 Co 6.14,15).
 
 
VERDADE PRÁTICA
O verdadeiro amor tudo suporta, mas não pode tolerar o pecado, porque o amoroso DEUS exige santidade e justiça de seus filhos.
 
 
LEITURA DIÁRIA
Segunda - At 16.14 Lídia servia a DEUS em Tiatira
Terça - At 19.10 Toda Ásia ouvia a Palavra de DEUS
Quarta - Ap 2.18 "Olhos" e "pés" do Filho de DEUS
Quinta - Ap 2.19 Tiatira, uma igreja que ama
Sexta - Ap 2.23 O Senhor sonda mentes e corações
Sábado - 2 Co 11.3 A simplicidade em CRISTO
 
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Apocalipse 2.18-25
18 E ao anjo da igreja de Tiatira escreve: Isto diz o Filho de DEUS, que tem os olhos como chama de fogo e os pés semelhantes ao latão reluzente: 19 Eu conheço as tuas obras, e a tua caridade, e o teu serviço, e a tua fé, e a tua paciência, e que as tuas últimas obras são mais do que as primeiras. 20 Mas tenho contra ti o tolerares que Jezabel, mulher que se diz profetisa, ensine e engane os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria. 21 E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu. 22 Eis que a porei numa cama, e sobre os que adulteram com ela virá grande tribulação, se não se arrependerem das suas obras. 23 E ferirei de morte a seus filhos, e todas as igrejas saberão que eu sou aquele que sonda as mentes e os corações. E darei a cada um de vós segundo as vossas obras. 24 Mas eu vos digo a vós e aos restantes que estão em Tiatira, a todos quantos não têm esta doutrina e não conheceram, como dizem, as profundezas de Satanás, que outra carga vos não porei. 25 Mas o que tendes, retende-o até que eu venha.
 
2.20 TOLERARES... JEZABEL, MULHER QUE SE DIZ PROFETISA. Um pecado prevalecente na igreja de Tiatira era a tendência de tolerar o pecado, a iniqüidade o ensino antibíblico entre seus líderes (vv. 14,20). João cita uma pessoa específica: Jezabel, nome este derivado da Jezabel do AT e que representa a idolatria e a perseguição aos santos (1 Rs 16.21; 19.1-3; 21.1-15; ver 21.25). Alguns em Tiatira provavelmente aceitaram os falsos mestres, pelo fato de falarem em nome de DEUS e terem grande popularidade e influência. CRISTO condena o pecado da transigência com o erro. Devemos rejeitar qualquer preletor que coloca suas próprias palavras acima da revelação bíblica (ver 1 Co 14.29) e declara que DEUS aceita, na igreja, a quem comete atos imorais, participando dos prazeres pecaminosos do mundo. Alguns, na igreja, costumam tolerar tais falsos ensinos, por indiferença, medo de confronto, amizade pessoal ou pelo desejo de paz, harmonia, autopromoção ou dinheiro. DEUS excluirá tal igreja, juntamente com os seus líderes (vv. 20-23; ver também Lc 17.3,4).
2.24 AOS RESTANTES. Houve em Tiatira os que ficaram firmes na palavra de CRISTO e seus padrões de justiça. DEUS os conhece e promete que reinarão com Ele sobre as nações (v. 26). "As profundezas de Satanás" (i.e., "os segredos profundos") talvez se refiram ao falso ensino de que, para experimentar plenamente a graça e a salvação divinas, devemos penetrar nas profundezas do pecado e conhecer todos os tipos de males.
 
 
QUARTA CARTA: A IGREJA DE TIATIRA (Apocalipse - Versículo por Versículo Autor: Severino Pedro da Silva Editora: CPAD Ano: 2002)
18. “E ao anjo da igreja de Tiatira escreve: Isto diz o Filho de DEUS, que tem seus olhos como chama de fogo, e os pés semelhantes ao latão reluzente”. 
I. “...Ao anjo da igreja”. Não temos notícia acurada sobre quem foi este “anjo” (pastor), a não ser aquilo que se depreende do presente texto. Lídia, vendedora de púrpura, e convertida por Paulo, era dessa cidade (At 16.14). Da conversão de Lídia, que se deu provavelmente no ano 53 d. C. à carta dedicada ao anjo da “igreja de Tiatira”: em 96 d. C., corre um lapso de tempo de 33 anos. Podemos deduzir, ainda que improvável terem sido Lídia e seu esposo, os grandes instrumentos usados por DEUS, par o início de formação daquela igreja: talvez um de seus filhos seja o “anjo” (pastor) do texto em foco (cf. At 16.15).
1. TIATIRA. O nome significa “Sacrifício de trabalho”.
Situação Geográfica: A cidade de Tiatira se encrava no pequeno Continente da Ásia Menor. “No fértil vale do rio Lico, acerca de 59 quilômetros a sudeste de Pérgamo, na estrada que ia para Sardes, ficava a pequena mas crescente e rica Tiatira, colônia macedônica, fundada por Alexandre Magno, depois da destruição do Império Persa. Na literatura secular, são encontradas muitas alusões ao comércio de tecidos de púrpura manufaturados em Tiatira, dos quais Lídia era vendedora. Esta carta, à então próspera igreja, foi mais longa em conteúdo de todas as cartas do Apocalipse. Maior, porém, é a mensagem nela contida e também das mais severas”.
 
19. “Eu conheço as tuas obras, e a tua caridade, e o teu serviço, e a tua fé, e a tua paciência, e que as tuas últimas obras são mais do que as primeiras”. 
I. “...As tuas obras”. Quando à conduta das igrejas, CRISTO primeiro menciona Aquilo que pode elogiar. “Sei quais são as tuas obras” – diz Ele. Tais obras são mencionadas onze vezes neste livro. O leitor deve observar o contraste entre as “obras” da igreja de Éfeso (2.5), e as “obras” da igreja de Tiatira: enquanto naquela as “últimas obras eram menores que as primeiras”, nesta pelo contrário; as “últimas obras são mais do que as primeiras”. O substantivo grego, que nossas versões do Novo Testamento traduzem por “obras”, com maior precisão que a palavra portuguesa comporta duas acepções: o resultado de uma atividade (sentido habitual do termo em português); e também: a atividade em si mesma (significado que, aliás, sob a influência do latim teológico, passou para o português), limitando-se às atividades morais. No presente texto: são obras de caridade feitas em favor de CRISTO, durante essa dispensação da graça (Ap 22.12).
1. A tua caridade. (Amor). O Senhor JESUS também louvou esta igreja (usamos aqui uma metonímia: figura que consiste em tomar a parte pelo todo e vice-versa; o geral pelo particular e o particular pelo geral) pelo seu amor. A palavra “amor” encontra-se em toda a extensão da Bíblia, que descreve o seu caráter multiforme:
(a) “Há o amor de DEUS, isto é, o amor de DEUS tem dispensado pelos homens. Essa é a fonte de todo amor, o que é comentado em (Jo 3.16 e ss), como poemas ilustrativos, relacionando-se como um supremo sacrifício.
(b) Há o amor de CRISTO cuja natureza é igual a do amor de DEUS, e que comentado em (2Co 5.14). Trata-se de uma força que nos constrange, que também nos leva a amar e a servir ao próximo, em honra ao Senhor. Esse foi o amor que motivou a expiação e a missão terrena, em geral, de CRISTO.
(c) Há o amor do homem a DEUS e a JESUS CRISTO. Essa modalidade pode ser expressa diretamente, mediante a subida mística da alma, em fazer tanto o bem a DEUS como ao próximo.
(d) Há o amor próprio (cf. Mt 22.39 e Ef 5.29). Trata-se de uma condição patológica em que um indivíduo tudo faz ou realiza só em torno de si mesmo, visando ao seu próprio conforto. Ele torna-se por natureza um “amante de si mesmo” (2Tm 3.2 e ss).
(e) Há também o amor de um ser humano por outro, ou pela humanidade. É a transferência dos cuidados que temos por nós mesmos para nossos semelhantes”.
 
20. “Mas tenho contra ti que toleras Jezabel, mulher que se diz profetisa. Ensinar e enganar os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria”. 
I. “...Jezabel”. a palavra “Jezabel” significa: “Montão de lixo”. Na opinião de alguns eruditos: “Casta”. Aparece pela primeira vez nas Escrituras como pessoal de uma princesa. Ela tinha crescido em Tiro, na cidade portuária fenícia. Seu pai, rei Etbaal, era também sacerdote de Astarote e sacrificava a Baal (1 RS 16.31) e, por conseguinte, tornou-se esposa de Acabe, rei de Israel. Esta ferina rainha tombou morta no vale de Armagedom (2 Rs 9.15, 16, 30, 37).
1. Mulher que se diz profetisa. Há muitas opiniões a respeito da “audaciosa mulher” da igreja de Tiatira; alguns até já defenderam tratar-se de uma “doutrina”, ou mesmo de uma “religião” e não de uma pessoa. A Jezabel do Antigo Testamento, é citada como o protótipo de pecado. A Jezabel do presente texto, trata-se de uma pessoa e não apenas uma figura ou personificação do mal. A passagem fala claramente de uma pessoa, pelo uso do pronome (“ela”). V.22. “No inglês, o pronome é her” usado somente para pessoa. Deve-se ter isto em mente para compreensão do significado do pensamento, pois em português, “ela” é usado tanto para pessoas, animais ou coisas”. Em alguns manuscritos antigos é acrescentado a palavra grega “SOU” (isto é tua), antes da palavra “mulher” ficando assim o texto na sua íntegra: “Mas tenho contra ti (pastor) que toleras Jezabel, (tua mulher?) que se diz profetisa”. O Dr. Carroll, op. Cit., vol. Sobre o Apocalipse, aceita esta posição: “Tratava-se da mulher do pastor, por parecer no original a palavra “y u v n”, que pode significar esposa; isto se dá muitas vezes em o Novo Testamento”. Não sabemos se isso é o verdadeiro sentido do presente texto, mas pode ser (cf. 1 Rs 21.25): As Escrituras são proféticas e se combinam entre si em cada detalhe.
 
21. “E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu”. 
I. “...da sua prostituição”. Tratava-se tanto de prática imorais pessoais, como parte do culto da seita gnóstica. Era algo tanto espiritual como físico. No campo histórico da Igreja da Idade Média teve grande semelhança com a igreja de Tiatira. “Foi nesta época que uma cópia do paganismo de Tiatira foi introduzido na igreja e sobre tudo, no campo comercial, sob a forma de imagens, em profusão, surgido por uma forte representação feminina pela introdução do culto de Maria, a mariolatria e com o desvirtuamento do merecido respeito e admiração à pessoa da virtuosa mãe de JESUS. Maria passou a ser co-redentora. CRISTO deixou, também, de ser único Mediador entre DEUS e os homens”, no pensamento deles. Outrossim, aquela gente “resolveu” na sua vontade que não se arrependeria. O grego subentende o exercício deliberado da vontade “Cintra” o arrependimento, e não a seu favor.
 
22. “Eis que porei numa cama, e sobre os que adulteram com ela virá grande tribulação, se não se arrependerem das suas obras”. 
I. “Eis que a porei numa cama”. O comentador Charles declara que as expressões: “cama e tribulação” nesta passagem expressam a mesma idéia. Além disso, supõe que porei numa cama equivale no grego hodierno a “infligir uma enfermidade” (cf. Êx 21.18), e que aquela primeira expressão é o hebraico especificado por trás do grego. Jezabel teve como paga de seu engano e prostituição “um leito de pestilência”. O resultado de tudo isso foi a morte (Rm 6.23). A ameaça de DEUS é terrível, porém corresponde à enormidade do pecado de Jezabel e seus adeptos. Alguns teólogos acham que, a expressão “...ferirei de morte” a seus filhos vista no versículo 23, quer dizer: “ferirei da segunda morte: o lago de fogo”. Não eram filhos de DEUS mas da semente iníqua, gerada do engano e como tais, estavam candidatos tanto a primeira como a segunda. Seja como for, o pecado tem consigo a pena aqui e na eternidade!.
 
23. “E ferirei de morte a seus filhos, e todas as igrejas saberão que eu sou aquele que sonda os rins e os corações. E darei a cada um de vós segundo as vossas obras.” 
I. “...os rins e os corações. O Salmista Davi cerca de 1.000 a.C. orava da seguinte forma: “Sonda-me, ó DEUS, e conhece o meu coração...” (cf. sl 139.23a), e o Apóstolo Paulo declara: “...aquele que examina os corações sabe...” (Rm 8.27).
1. Analisemos dois pontos focais no presente versículo: (a) Os rins (b) Os corações:
(aa) Os rins. A palavra grega “nephros”, é traduzido por “rins” em nossas versões. Os hebreus e até escritores sagrados pensavam que os “rins” seriam a sede das emoções e dos afetos (Jr 12.2). No presente texto, denota também, uma sondagem cuidadosa, da idéia de seguir os passos, com a ação resultante, causada por aquilo que foi descoberto. Mui provavelmente, nela envolve a memória do que diz Jeremias 11.20 onde DEUS é visto como aquilo que testa (determina a natureza verdadeira), o coração e a mente do seu povo. Numa figura de retórica, isso demonstra, que os juízos que se seguirão, pois, serão justos e completos, em nada falhos, porquanto repousam sobre total discernimento e informação.
(bb) Os corações. Quanto a isso, analisemos aqui, dois pontos de suma importância:
(aaa) Tanto as Escrituras, como a própria ciência, dizem que o coração é o centro de uma coisa. O vocábulo ocorre por 820 vezes na Bíblia. Vem de uma raiz hebraica: “l~ebh ou l~ebhabh”, sendo bem possível, que a raiz do termo hebraico, que é obscuro, signifique “centro”. O termo denota vários significado e aplicações: Às vezes é apenas um órgão físico do corpo humano. As referências ao órgão físico assim chamado são poucas e de modo algum especificadas. Dentre as mais claras é a de (1 Sm 25.37). “Pesa em média apenas 250 gramas e não é maior que o punho fechado de seu possuidor. Bate cem mil vezes por dia e, no espaço de uma vida, é capaz de bombear sangue suficiente para encher 13 milhões de barris. O homem ainda não criou uma máquina mais perfeita que o coração...
(bbb) No contexto teólogo, pode também significar a mente (Êx 35.35 e Dt 29.4). O Dr. Wheeler Robinson oferece a seguinte e ótima classificação dos vários sentidos em que podem ser usadas as palavras hebraicas “l~ebh e l~ebhãbn”. Ad. A: físico ou figurado (“meio”, 29 vezes). Dependendo do contexto que se depreende das Escrituras: Ad. B: Personalidade, vida íntima, ou caráter geral (257 vezes; exemplos: Êx 9.14 e 1Sm 16.7; comparado a Gn 20.5): Ad. c. Estados emotivos de consciência, encontrados em grande GAMA de variedade (166 vezes); intoxicação (1Sm 25.36); alegria ou tristeza (cf. Gn 42.28); amor (2Sm 14.1, etc): Ad. d: Atividades intelectual (204 vezes); atenção (Êx 7.23); entendimento (1Rs 3.9); habilidade técnica-sábio de coração (Êx 28.3): Ad. e: Volição ou propósito (195 vezes; 1Sm 2.35), sendo esses um dos empregos mais característicos do termo no Antigo Testamento. “Mente” é, talvez, o mais próximo tempo moderno daquilo que no uso bíblico é denominado “coração”. No presente texto do Apocalipse, o termo é usado para significar: “a natureza suprema do homem” (sinônimo de espírito ou da alma).
 
24. “Mas eu vos digo, e aos restantes que estão em Tiatira, a todos quantos não têm esta doutrina, e não conheceram, como dizem, as profundezas de Satanás, que outra carga vos não porei”.
I. “...As profundezas de Satanás”. Os mestres gnósticos atribuíram à sua doutrina o caráter de “profundidade”, e a “mulher Jezabel” invocava para sua doutrina o mesmo sentido. De acordo com a expressão “profetisa” encontrada no versículo vigésimo deste capítulo, esta senhora, Jezabel, era portadora de uma “teomania aguda”: espécie de loucura, em que o doente se julga DEUS ou por ele inspirado.
1. Na igreja de Tiatira existia dois grupos distintos: (a) Os cristãos verdadeiros; (b) Os que se gloriavam de conhecer “as profundezas de Satanás”. Paulo encontrou quatro grupos na igreja de Corinto. Porém é evidente que aqueles eram crentes em JESUS; o grupo de Jezabel não (cf. 1Co 1.12). Ad. a: Os legalistas: o herói deles era Pedro: Ad. b: Os intelectuais e filósofos: o herói deles era Apolo. Ad. c: Os liberais: o herói deles era Paulo. Ad. d: Os cristãos: o herói deles era CRISTO (1Co 1.12; 3.4 e ss). Os diversos grupos mencionados neste versículo, podem ser também visto assim: Ad. aa: O partido judaizante (os seguidores de Pedro). Ad. bb: O partido dos intelectuais: (os seguidores de Apolo). Ad. cc: O partido da liberdade (os seguidores de Paulo). Ad. dd: O partido dos exclusivistas (aqueles que diziam: “sou de CRISTO”).
 
25. “Mas o que tendes retende-o até que eu venha”. 
I. “...O que tendes retende-o”. esta expressão “retende-o” vem do verbo “reter”, e tem no original, o sentido de “guardar”, “conservar”, etc. Deve ser aplicado no sentido de “guardar” aquilo que é precioso como: A palavra de DEUS. Sl 119.11; Os mandamentos da lei divina. Mt. 19.17; A fé. 2 Tm 4.8, etc. Note muito bem, este versículo, voltemos a ele. É o que diz a senhora M. S. Novah: Deste versículo, aparentemente sem comentário podemos dizer que nos prova a veracidade de que as cartas não foram escritas somente para os crentes do tempo de João, o Apóstolo; pois aqueles fiéis, há muito, que já morreram e o versículo 25 diz: “O que tendes retende-o ATÉ que eu venha”. É o divino convite. É o apelo de CRISTO. As últimas cartas do Apocalipse (dentre um total de sete), todas possuem características da Igreja cristã dos “últimos tempos”; portanto, todas elas, de alguma maneira, lançam olhos para o fim de nossa era, ou seja, para a vinda de JESUS (1 Ts 4.13-17).
 
26. “E ao que vencer, e guardar até ao fim as minhas obras, eu lhe darei poder sobre as nações”. 
I. “...poder sobre as nações”. O texto em foco, lembra-nos o Salmo segundo onde lemos: “Pede-me, e eu darei as nações por herança, e os fins da terra por tua possessão” (v. 8). Essa é uma promessa relativa ao Milênio, estando associada a Ap 2.4, 6. O reino que foi rejeitado pelos judeus, ainda será realizado e será inaugurado quando da segunda vinda (parousia) de CRISTO. A promessa é que o crente, terá posição de poder naquele reino: os mansos herdarão a terra. As “obras” mencionadas neste versículo são obras de CRISTO e não as nossas, porquanto, o crente, as cumpre em seu nome, mediante o impulso dado por Ele. As “obras” de CRISTO fazem contraste com as “obras” de Jezabel, aludidas no versículo 22 deste capítulo. As dela, são repugnantes; as de CRISTO, são desejadas!.
 
27. “E com vara de ferro as regerá: e serão quebradas como vasos de oleiro; como também recebi de meu Pai”. 
I. “...e serão quebradas como vasos...”. O presente versículo fala do governo milenial de CRISTO sobre a terra (Ap 20.1 e ss), quando as nações serão “regidas com vara de ferro”. Isso não quer dizer um reino ou governo de extrema “dureza”, mas, sim, um método inquebrantável (Sl 2.8-9; Ap 12.5). Naturalmente, o texto não limita esse governo aos mártires, embora, em outros contextos, estejam eles especialmente em mira, por terem sido mortos pelo Anticristo, cuja vitória será total e completamente revertida. O fato de os mártires retornarem para governar a terra onde foram tratados com o opróbrio, é a reversão dos crimes do Anticristo, o homem do pecado (2Ts 2.3; Ap 20.4). A interpretação geral, neste versículo, é que segundo as promessas de CRISTO, que este poder “sobre as nações” será extensivo aos mártires e aos santos de todos os tempos: a garantia é para “o que vencer” (cf. 2.7, 11, 17, 26; 3.5, 12, 21).
 
28. “E dar-lhe-ei a estrela da manhã”. 
I. ‘...a estrela da manhã”. Para os ímpios: JESUS é a “luz do mundo” (Jo 1.9; 8.12); para Israel: Ele é “O Sol da Justiça” (Ml 4.2); para sua Igreja: Ele é “a resplandecente Estrela da Manhã” (Ap 22.16). Seja como for, CRISTO é “tudo em todos”. Este será um títulos que trará o Filho de DEUS no dia de sua vinda para o arrebatamento. Em Ap 22.16, o próprio CRISTO é identificado como “A resplandecente estrela da manhã”. Não pode haver dúvida razoável, pois, que Ele também é aquela figura central. Para os antigos povos, a estrela da tarde (ou vespertina) simbolizava a morte, mas a estrela da manhã simbolizava a vida que é o próprio CRISTO. Ao vencedor, JESUS promete dar-lhe a estrela da manhã. Isto é, Ele mesmo! Nos Evangelhos ele deu-se por todos os pecadores. Agora Ele promete dar-se novamente, porém apenas ao vencedor!. Essas palavras de CRISTO, têm seu fundo histórico nas palavras de Dn 12.3, onde diz que os próprios justos ...refulgirão como as estrelas...”. O sentido é que os crentes entrarão na glória celeste e serão glorificados com o resplendor do mundo vindouro de DEUS (1 Jo 3.2, etc).
 
29. “Quem tem ouvidos, ouça o que o ESPÍRITO diz às igrejas”. 
“...o que o ESPÍRITO diz...”. O leitor deve observar que essa é uma expressão que figura em todas as cartas do Apocalipse, chamando a atenção dos leitores para a solene necessidade de darem atenção às palavras inseridas neste livro. “A mulher Jezabel e seus filhos prosseguirão tal como são, mas o “resto”, o remanescente, ouvirá” (newll). CRISTO, e que seja ela uma influência poderosa o nosso coração e sobre a nossa vida”. Possuímos discernimento “espiritual” e a sensibilidade necessária para “dar ouvidos” ao que foi dito? “...se ouvirdes hoje a sua voz (como diz o ESPÍRITO SANTO), não endureçais os vossos corações” (Hb 3.7-8). Esses são os “ouvidos” de que precisamos. Se os temos, então, que os usemos!!!.
 
INTERAÇÃO
Das sete cartas enviadas por JESUS às igrejas da Ásia Menor, a de Tiatira é a mais extensa. A cidade de Tiatira não era política e religiosamente importante. Sua singularidade residia no aspecto comercial. Através da sua posição geográfica, o intercâmbio comercial da cidade se dava entre Europa e Ásia. Mas, no entanto, a idolatria estava presente nessa prática comercial. Os membros da igreja de Tiatira deveriam decidir o que fazer nessas circunstâncias, já que muitos eram profissionais da área do comércio. Todavia, a igreja de Tiatira não sofria perseguição religiosa; o perigo estava dentro da própria igreja, e tinha um cognome: Jezabel; a mulher que sustentava o seguinte ensino: Não havia problema de os cristãos amalgamarem-se com o pecado. É nessa perspectiva cultural que se encontra a igreja de Tiatira.
 
OBJETIVOS - Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
Identificar as principais características igreja de Tiatira.
Saber que se tratava de uma igreja rica em obras.
Conscientizar-se de que o verdadeiro amor não é cego para o pecado.
 
ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA
Caro professor, a lição desse domingo avalia a relação tênue que há entre "amor" e "disciplina". Para concluir a lição bíblica sobre a igreja de Tiatira, leia Provérbios 3.11,12 e Apocalipse 3.19. Após a leitura, diga aos alunos que DEUS é amor, bondade e misericórdia, no entanto, tais atributos não anulam sua natureza disciplinadora: O Pai "repreende" e "corrige" a quem Ele ama e quer bem.
 
RESUMO DA LIÇÃO 6 - TIATIRA, A IGREJA TOLERANTE
I. A IGREJA EM TIATIRA
1. A cidade de Tiatira.
2. A igreja em Tiatira.
II. A IDENTIFICAÇÃO DO DESTINATÁRIO
1. Filho de DEUS.
2. Onisciente.
3. Supremo Juiz.
III. UMA IGREJA RICA EM OBRAS
1. Amor.
2. Serviço.
3. Fé.
4. Paciência.
5. Abundância em obras.
IV. JEZABEL, E AS PROFUNDEZAS DE SATANÁS
1. A Jezabel de Tiatira.
2. O ministério de Jezabel.
3. A obra de Jezabel.
CONCLUSÃO
Em sua misericórdia, DEUS concedeu um tempo de arrependimento a Jezabel e aos que com ela pecaram (Ap 2.21).
 
SINOPSE DO TÓPICO (1) - A igreja de Tiatira estava localizada numa cidade progressista e comercial
SINOPSE DO TÓPICO (2) - JESUS se apresenta a Tiatira como o chefe supremo e incontestável tanto da igreja local como a da invisível.
SINOPSE DO TÓPICO (3) - A igreja de Tiatira era rica em amor, serviço, fé, paciência e boas obras.
SINOPSE DO TÓPICO (4) - A profetisa Jezabel, desencaminhava os fiéis de Tiatira do reto caminho à idolatria e à prostituição.
 
AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO I - Subsídio Teológico
"A carta à Igreja em Tiatira
A cidade de Tiatira estava localizada a aproximadamente sessenta quilômetros a nordeste de Pérgamo. Era um importante centro industrial e comercial da região de Lídia. Na época em que o livro do Apocalipse foi elaborado, essa cidade estava em grande desenvolvimento e ainda viriam dias mais prósperos. Era também a sede de um grande número de associações de mercadores, inclusive daqueles que trabalhavam com vários metais. O nome da cidade aparece apenas uma outra vez no Novo Testamento, como a cidade natal de Lídia, uma cristã vendedora de tecidos de púrpura na cidade de Filipos (At 16.14).
A descrição de JESUS, com "os olhos como chama de fogo e os pés semelhantes ao latão reluzente" (2.18) tem sido, há muito, entendida como referência à florescente indústria de metais de Tiatira. Uma descrição semelhante aparece duas outras vezes no Apocalipse (1.14,15; 19.12; cf. Dn 7.9). Essa impressionante imagem lembra o quarto homem, "semelhante ao filho dos deuses" que se colocou no fogo, ao lado de Sadraque, Mesaque e Abedenego (Dn 3.25). O leitor se lembrará que esses três homens se recusaram a inclinar-se perante a estátua de um outro imperador com alusões à divindade - e que DEUS os livrou" (ARRINGTON, French L.; STRONSTAD, Roger (Eds.). Comentário Bíblico Pentecostal do Novo Testamento. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2003, p.851).
 
AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO II - Subsídio Teológico
"Jezabel É Julgada
Apesar de todas as coisas boas que JESUS disse sobre a igreja em Tiatira, Ele tem contudo outras contra ela. O problema em Pérgamo parece ter se originado de pressões vindas de forças pagãs ('o trono de Satanás' 2.13), de fora da igreja. Mas o problema em Tiatira foi iniciado e fomentado por uma mulher apóstata, membro da igreja. No lugar de 'aquela mulher', alguns antigos manuscritos trazem 'sua mulher', que poderia significar 'sua esposa', ou seja: esposa do pastor. Qualquer que seja o caso, o pastor e a igreja toleravam-na porque a consideravam profetisa. JESUS, entretanto, a chama Jezabel.
Na realidade, ela é pior do que a Jezabel do Antigo Testamento, esposa do rei Acabe, que tentou substituir a adoração ao Senhor, em Israel, pelo culto a Baal, buscando fazer deste um deus nacional. Esta Jezabel, que se diz profetisa, colocava suas palavras e ensinamentos acima dos de CRISTO e dos apóstolos. Não somente ensinava que era lícito, aos olhos de DEUS, cometer adultério espiritual - participar das adorações idólatras e imorais - como também seduzia, com muita perspicácia, os crentes que realmente procuravam servir ao Senhor, e que lhe eram fiéis. Note que JESUS chama a estes de 'meus servos'. As boas coisas que JESUS disse da igreja poderiam ser ditas sobre eles. Contudo, estavam agora sob a influência das profecias e ensinos desta Jezabel. Dando-lhe atenção, tornaram-se vítimas.
As profecias devem ser testadas pelas Escrituras; não podem estar baseadas num único versículo, ou metade num versículo aqui e a outra noutro lugar. As profecias devem estar de acordo com os grandes ensinamentos da Bíblia. Os que pertencem ao corpo de CRISTO devem julgá-las (1 Co 14.29). Assim, à medida que nos aprofundamos no conhecimento das Escrituras, o Senhor mesmo iluminará nossos corações e mentes, concedendo-nos sua maravilhosa luz.
JESUS já havia tratado com esta Jezabel, e lhe dado um período de tempo ('espaço') para que se arrependesse. Mas ela não se arrependeu de sua fornicação - o adultério moral e espiritual. Ela não mudou suas atitudes básicas, e ainda ensinava que a mistura da verdadeira adoração com práticas e adorações pagãs não constituíam qualquer pecado" (HORTON, Stanley M. Apocalipse: As coisas que brevemente devem acontecer. 2.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, pp.40,41).
 
VOCABULÁRIO
Índigo: Tecido de forte tonalidade azul.
Guildas: Associação que, durante a Idade Média, em certos países da Europa, agrupava pessoas com interesses comuns (negociantes, artesãos, artistas).
Viço: Energia vital; força, vigor.
Aquiescer: Condescender, consentir, aceitar.
Caricata: Grotesca; burlesca; ridícula.
Indultar: Privilegiar, suavizar a punição.
 
BIBLIOGRAFIA SUGERIDA
LAWSON, Steven J. As Sete Igrejas do Apocalipse: O Alerta Final de CRISTO para seu povo. 5.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2004. SAIBA MAIS
Revista Ensinador Cristão - CPAD, nº 50, p.39.
 
QUESTIONÁRIO DA LIÇÃO 6 - TIATIRA, A IGREJA TOLERANTE
Responda conforme a revista da CPAD do 2º Trimestre de 2012
Complete os espaços vazios e marque com "V" as respostas verdadeiras e com "F" as falsas.
 
TEXTO ÁUREO
1- Complete:
"Não vos __prendais__ a um __jugo__ desigual com os infiéis; porque que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? E que concórdia há entre CRISTO e __Belial__? Ou que parte tem o fiel com o infiel?" (2 Co 6.14,15).
 
VERDADE PRÁTICA
2- Complete:
O verdadeiro __amor__ tudo suporta, mas não pode tolerar o __pecado__, porque o amoroso DEUS exige __santidade__ e justiça de seus filhos.
 
INTRODUÇÃO
 
3- Complete
Ao contrário de Éfeso, a igreja em Tiatira fizera-se conhecida pelo __amor__. Foi repreendida por tolerar o __mal__. Nela o amor até __sobejava__. O amor de Tiatira amava mais do que antes, mas ainda não era capaz de __repulsar__ o mal. Tiatira era amorosa. No entanto, fez-se réproba ao mostrar-se __indulgente__ com uma profetisa que, à semelhança da mulher de __Acabe__, vinha induzindo os santos ao adultério e à idolatria.
 
 
I. A IGREJA EM TIATIRA
 
4- Como era a cidade de Tiatira?
(    ) Embora rica, Tiatira não podia ostentar a riqueza de Éfeso nem era tão importante quanto Pérgamo.
(    ) Sabia como usufruir do progresso que os romanos haviam trazido à região ao transformar a Ásia Menor numa província imperial.
(    ) Sua produção de tecidos, principalmente o índigo, tornou-a famosa em todo o mundo.
(    ) Tiatira fizera-se afamada também pelas guildas que agrupavam os profissionais das mais diversas áreas; eram uma espécie de sindicato.
(    ) Hoje, a moderna Akhisar, na Turquia, depara-se com as ruínas de uma Tiatira que, outrora florescente, perdera todo o viço ao honrar mais a criatura do que ao Criador.
 
5- Como chegou o evangelho à igreja em Tiatira?
(    ) É bem provável que o Evangelho tenha chegado a Tiatira através de Lídia.
(    ) Evangelizada por Paulo em Filipos, retornou à cidade natal como portadora das Boas Novas de Salvação (At 16.14).
(    ) O apóstolo haveria de confirmar o trabalho ali estabelecido em sua terceira viagem missionária (At 19.10).
 
RESPOSTAS DO QUESTIONÁRIO EM http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm
fonte www.apazdosenhor.org.br
 

LIÇÃO 09 - A MORDOMIA DO TRABALHO / SLIDES / CLASSE ADULTOS

BAIXAR OS SLIDES