SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

Marcadores

Aborto ACONSELHAMENTO PRÉ-MATRIMÓNIAL Adolecentes Cristão ADOLESCENTES ADPB ADULTÉRIO ADULTOS Agradecimento Aniversario Apologética Cristã Arqueologia As Inquisições Assembleia de Deus Barack Obama Batismos Bíblia Brasil Casamento CGADB Ciência Círculo de Oração CLASSE BERÇARIO CLASSE BERÇÁRIO CLASSE DOS DISCIPULADOS CLASSE DOS DISCIPULANDO CLASSE DOS DISCIPULANDOS CLASSE JOVENS E ADULTOS CENTRAL GOSPEL CLASSE JOVENS E ADULTOS BETEL CLASSE MATERNAL Congresso CPAD Cruzada Curiosidades Cursos Departamento Infantil Depressão Desaparecido DESENHOS BIBLICOS Desfiles Dia do Pastor Discipulado Divórcio EBD EBO Escatologia Estudantes Estudos Eventos FALECIMENTO Família Filmes Galeria de Fotos Gospel Gratidão a Deus Hinos Antigos História Homenagens Homilética Homoxesualismo Ideologia de Gênero Idolatria Inquisição Islamismo Israel LIção de Vida Louvor Luto Maçonaria Mães Mensagens Ministério Missões MODISMOS Mundo Mundo Cristão MUSICAS EVANGÉLICAS Namoro Cristão Noivados Notícias Obreiros ONU Oração Pneumatologia política PRIMARIOS Psicopedagogia Pureza sexual Realidade Social Reforma Protestante RELIGIÕES Retiro Revista Central Gospel REVISTA CLASSE PRIMARIOS REVISTA CLASSE DOS PRE-ADOLESCENTES REVISTA CLASSE DOS ADOLESCENTES REVISTA CLASSE JARDIM DA INFANCIA REVISTA CLASSE JARDIM DA INFÂNCIA REVISTA CLASSE JUNIORES REVISTA DA CLASSE JOVENS. REVISTA DA CLASSE ADULTOS REVISTA DA CLASSE JUVENIS Revista Maternal Santa Ceia Saúde Seminário Sexualidade Subsídios Subsídios EBD Subsídios EBD Videos Templos Teologia Testemunho TRANSGÊNEROS Utilidade publica UTILIDADE PÚBLICA Vida de Adolecente videos Virgilha

09 julho 2016

Lição 2, DEUS , o Primeiro Evangelista 3º Trimestre de 2016 - Título: O desafio da evangelização — Obedecendo o ide do Senhor JESUS de levar as Boas-Novas a toda criatura

Comentarista: Claudionor de Andrade 
Complementos, ilustrações, questionários e vídeos: Ev. Luiz Henrique de Almeida Silva
NÃO DEIXE DE ASSISTIR AOS VÍDEOS DA LIÇÃO ONDE TEMOS MAPAS, FIGURAS, IMAGENS E EXPLICAÇÕES DETALHADAS DA LIÇÃO
http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm
AQUI VOCÊ VÊ PONTOS DIFÍCEIS DA LIÇÃO - POLÊMICOS
 
TEXTO ÁUREO"Ora, tendo a Escritura previsto que DEUS
 havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti." (Gl 3.8)

VERDADE PRÁTICADEUS, que deu início ao trabalho de evangelização, exige de cada um de nós uma atitude evangelística responsável e amorosa.

LEITURA DIÁRIA
Segunda - Gn 3.15 DEUS  anuncia a sua admirável redenção a Adão
Terça - Gn 6.18 DEUS proclama a maravilhosa salvação a Noé
Quarta - Gn 12.1,2 DEUS prega o Evangelho ao patriarca Abraão
Quinta - 2 Sm 7.16 DEUS promete o Messias à casa do amado rei Davi
Sexta - Is 7.14 DEUS revela de forma maravilhosa a concepção virginal do Messias
Sábado - Lc 2.10,11 Os anjos de DEUS noticiam o nascimento de CRISTO

 
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Gênesis 12.1-8
1 - Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. 2 - E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome, e tu serás uma bênção. 3 - E abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.
4 - Assim, partiu Abrão, como o Senhor lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos, quando saiu de Harã. 5 - E tomou Abrão a Sarai, sua mulher, e a Ló, filho de seu irmão, e toda a sua fazenda, que haviam adquirido, e as almas que lhe acresceram em Harã; e saíram para irem à terra de Canaã; e vieram à terra de Canaã.
6 - E passou Abrão por aquela terra até ao lugar de Siquém, até ao carvalho de Moré; e estavam, então, os cananeus na terra. 7 - E apareceu o Senhor a Abrão e disse: À tua semente darei esta terra. E edificou ali um altar ao Senhor, que lhe aparecera. 8 - E moveu-se dali para a montanha à banda do oriente de Betel e armou a sua tenda, tendo Betel ao ocidente e Ai ao oriente; e edificou ali um altar ao SENHOR e invocou o nome do SENHOR.
 
OBJETIVO GERAL - Saber que DEUS exige de cada crente uma atitude evangelística responsável e amorosa
 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Explicar que na chamada de Abraão tem início o Evangelho de JESUS CRISTO
Mostrar que a Bíblia é um livro essencialmente evangélico.
Saber que Israel, como povo escolhido do Senhor, deveria ter executado o trabalho de DEUS
 
INTERAGINDO COM O PROFESSOR
Professor, na lição de hoje estudaremos acerca da chamada do patriarca Abraão. Ele ouviu a voz de DEUS e saiu, pela fé, da sua terra, do meio da sua parentela para uma terra que DEUS haveria de lhe mostrar. DEUS
 chamou Abraão para uma missão especial, e ele obedeceu ao chamado. O Todo-Poderoso não queria trazer privilégio e favores para Abraão e seus descendentes. O propósito era, a partir dele e dos seus descendentes, preparar o mundo para a chegada do Messias. DEUS amou a humanidade perdida de tal maneira que não mediu esforços para anunciar as Boas-Novas. Como filhos de DEUS, não podemos ficar insensíveis, indiferentes diante dos milhares que ainda não ouviram nada ou quase nada a respeito do evangelho de JESUS CRISTO. No decorrer da lição, ressalte que a evangelização dos pecadores não é uma opção do crente, mas é uma ordenança de CRISTO para a Igreja (Mc 16.15).
 
PONTO CENTRAL - DEUS exige de cada um de nós uma atitude evangelística responsável e amorosa.
 
Resumo da Lição 2, DEUS, o Primeiro Evangelista
I - A CHAMADA DE ABRAÃO
1. Abrão, o caldeu.
2. Abraão, o evangelizado.
3. O evangelista Abraão.
II - A PALAVRA DE DEUS É EVANGÉLICA
1. A Lei de Moisés é evangélica.
2. A história de Israel é evangélica.
3. A poesia de Israel é evangélica.
4. Os profetas são evangélicos.
III - EXECUTANDO O TRABALHO DE DEUS
1. Israel e a evangelização mundial.
2. A missão intransferível da Igreja.
 
SÍNTESE DO TÓPICO I - DEUS chamou Abraão e seus descendentes para anunciarem as virtudes do Altíssimo.
SÍNTESE DO TÓPICO II - A Bíblia é o livro de DEUS, que demonstra que JESUS é o CRISTO prometido pelo Pai.
SÍNTESE DO TÓPICO III - Israel, como povo escolhido, deveria executar o trabalho de DEUS entre as nações.
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top1"O primeiro punhado de promessas feitas a Abraão, que na ocasião talvez ainda tivesse em Ur dos caldeus, inclui uma promessa ao mundo. Realmente, essa é a promessa mais plena de todas. É ótimo receber uma bênção, mas é melhor ainda conceder uma bênção. Dessa forma, é assegurado a Abraão que 'em ti serão abençoadas todas as famílias da terra' (Gn 12.3). Essa promessa e garantia são repetidas em Gênesis 18.19; 22.19 (cf. At 3.25; Gl 3.8).
Pouca diferença faz se aceitamos a tradução acima ou a leitura sugerida: 'por ti todas as famílias da terra serão abençoadas'. A diferença trata-se apenas de metodologia, não de princípios.
O fator importante e principal é que o chamado de Abraão não se trata de favoritismo pessoal de um deus particularista para estabelecer uma religião local em prática e desígnio. Ele origina-se no DEUS de glória e é designado pelo bem-estar da humanidade. Assim como DEUS não chama seu ministro para o bem do ministro, mas para o bem da consagração, da comunidade e do mundo, Ele não chamou Abraão pelo bem de Abraão. O mundo estava à vista, e a humanidade era o objetivo, qualquer que fosse a metodologia. Essa promessa, com seu desígnio de intenção universal, foi transferida no devido tempo aos patriarcas, Isaque (Gn 26.4) e Jacó (Gn 28.14). De uma forma um tanto diferente, tanto enriquecida quanto mais específica, Judá a herdou de Jacó (49.10) e tornou-se o portador do bastão de comando de Israel, embora Levi tenha sido escolhido para o sacerdócio. Assim não há enfraquecimento de universalidade no período patriarcal. O desígnio e a intenção de DEUS lhe são declarados enfaticamente" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2000, pp. 134,135).
 
CONHEÇA MAIS top1
*Abraão - "Abraão iniciou sua vida em Ur dos Caldeus, na Mesopotâmia. Dali, Tera, seu pai, mudou-se com a família para Harã. Tanto Ur como Harã eram centros de adoração da lua. O nome de seu pai, Tera, provavelmente significava 'Ter é (o divino) irmão'. Acredita-se que 'Ter' seja uma variação dialética para o deus lua e era especialmente popular no distrito de Harã como foi confirmado pelos registros assírios. Mas Abraão foi convocado pela voz de DEUS a deixar o seu cenário pagão, para ir a uma terra divinamente prometida à sua semente. Após sua chegada à Palestina, Abraão passou muitos dias principalmente nas proximidades de três centros no sul, Betel, Hebrom (Manre) e Berseba". Para conhecer mais, leia Dicionário Bíblico Wycliffe, CPAD, p. 11.
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top2"A fase mosaica enriqueceu a religião dos israelitas de muitas maneiras, tornando-a uma religião de redenção milagrosa, monoteísmo positivo, consagração devotada, ética dinâmica, fé responsável, amor e obediência, culto organizado, lei em comum e uma grande esperança. Embora ela não acrescentasse muitas referências à universalidade, enfatizava o caráter inclusivo no prelúdio memorável que precede a inauguração de Israel como uma nação, a realização do Decálogo e do pacto. Se esse prelúdio fosse devidamente compreendido, ele teria uma importância revolucionária e renovadora para Israel ao conceder significado, propósito e sentido à sua história" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 20000, p. 135).
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top3
"DEUS refere-se três vezes a Israel como 'minhas testemunhas' (Is 43.10,12; 44.8). A verdadeira questão é: uma testemunha de quem? O Senhor declara explicitamente: 'O povo que formei para mim proclamará meus louvores' (43.21). Proclamar seus louvores para quem? O versículo 9 nos dá a orientação: 'Que todas as nações se unam ao mesmo tempo, que se reúnam os povos'. Esse é o público de Israel. Essa é a sua missão!Esse conceito de serviço não é enfraquecido pelo fato de que quatro canções servis dedicadas a esse 'Servo ideal' de DEUS que é o próprio CRISTO
. O serviço de Israel é estabelecido claramente. Israel tem uma missão a cumprir, um serviço a ser feito. As palavras de Paulo ecoam o verdadeiro chamado de Israel no Antigo Testamento: 'Eu sou devedor, tanto a gregos como a bárbaros, tanto a sábios como a ignorantes' (Rm 1.14). O fato de Israel não ter reconhecido essa posição de serviço e não ter servido à humanidade não elimina o ideal do Antigo Testamento para com a nação, e o chamado da mesma.Se mantivermos na mente essa dupla posição e relação de Israel, grande parte das Escrituras ganhará uma nova perspectiva e significado mais profundo. Israel nunca deixa de ser o povo de DEUS, a nação do Senhor, embora, devido ao fracasso, ela seja temporariamente como serva de DEUS. Ela permanece desqualificada até que o genuíno arrependimento a restaure novamente. Tal restauração é prometida pela graça de DEUS e exigida pela justiça e fidelidade de DEUS" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 20000, pp. 137,138).
 
PARA REFLETIR - A respeito de DEUS, o primeiro evangelista, responda:
Por que DEUS anunciou o Evangelho primeiro a Abraão?
Porque, a partir da chamada de Abraão, o povo hebreu passou a viver como o povo escolhido de DEUS para anunciar às nações as virtudes do Altíssimo, conforme atestam as Escrituras Sagradas.
Qual a missão de Israel no âmbito da redenção da humanidade?
Proclamar o Salvador às nações.
Qual a contribuição de Israel à evangelização?
Os israelitas contribuíram para a evangelização do mundo porque deles vêm os patriarcas, a Lei de Moisés, os pactos, os profetas, as Escrituras e o próprio CRISTO (Rm 9.1-5).
Por que a missão evangelizadora da Igreja é intransferível?
Porque por meio da igreja, a Palavra de DEUS vem alcançando os confins da terra.
Você tem evangelizado com zelo e amor?
Resposta pessoal.
 
CONSULTE
Revista Ensinador Cristão - CPAD, nº 67, p. 37.
 
Comentários de vários autores com alguma modificações do Ev. Luiz Henrique
Pontos difíceis e polêmicos discutidos durante a semana em nossos grupos de discussão no WhatsApp (minhas conclusões)
Na lição de hoje vemos, através de Abraão, o inicio do plano de salvação projetado por DEUS e colocado em prática pela chamada de um homem que traria a existência o salvador do mundo como homem, JESUS CRISTO, seu descendente. GÁLATAS cap. 3·16 Ora, a Abraão e a seu descendente foram feitas as promessas; não diz: E a seus descendentes, como falando de muitos, mas como de um só: E a teu descendente, que é CRISTO.
 
Abraão seria a partir de então o primeiro evangelista já que tinha a fé que DEUS desejava que o homem tivesse, a fé em suas promessas, mesmo que fossem promessas impossíveis de serem cumpridas humanamente. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão. Gálatas 3:9;Sabei, pois, que os que são da fé são filhos de Abraão. Gálatas3:7
Portanto, é pela fé, para que seja segundo a graça, a fim de que a promessa seja firme a toda a posteridade, não somente à que é da lei, mas também à que é da fé que teve Abraão, o qual é pai de todos nós, Romanos 4:16
E aconteceu depois destas coisas, que provou Deus a Abraão, e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. Gênesis 22:1
Porque a promessa de que havia de ser herdeiro do mundo não foi feita pela lei a Abraão, ou à sua posteridade, mas pela justiça da fé. Romanos 4:13
Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. Gálatas 3:8
Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo, e para que pela fé nós recebamos a promessa do Espírito. Gálatas 3:14
Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, indo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia. Hebreus 11:8
Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. Hebreus 11:17
Vem, pois, esta bem-aventurança sobre a circuncisão somente, ou também sobre a incircuncisão? Porque dizemos que a fé foi imputada como justiça a Abraão. Romanos 4:9
 
ABRAÃO TERIA QUE TER FÉ EM UM FUTURO DISTANTE  (MAIS DE 2000 ANOS PARA O FUTURO), ENQUANTO QUE NÓS TEMOS QUE TER O MESMO TIPO DE FÉ EM UM PASSADO DISTANTE (MAIS DE 2000 ANOS ATRÁS)
HEBREUS cap. 11-6 Ora, sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.
 
A Bíblia não foi escrita para provar que DEUS existe, mas foi escrita para que pudéssemos ouvir DEUS nos mostrando como nos chegar a ELE, apresentando a nós o seu filho JESUS CRISTO como único caminho de salvação. Portanto a Bíblia é um livro totalmente evangélico, um manual de evangelismo teórico, tanto quanto nos mostrando a prática de evangelização dos povos.
 
Temos alguns vislumbres do evangelho antes de Abraão, mas nada tão claro quanto a partir da chamada de Abraão.
 
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares
O Cristianismo é a primeira religião proselitista e missionária da história, pois o evangelho não é uma mensagem alternativa, é única e exclusiva.JESUS afirmou que  é uma questão de vida ou morte  (]o 17.3). No Antigo Testamento, missões era um projeto ainda não colocado em prática. O profeta Jonas, como missionário, era uma figura de CRISTO. O Novo Testamento tornou explícito o que dantes estava implícito no Antigo.
O Senhor JESUSO Senhor JESUS apresentou suas credenciais de Messias: sinais e maravilhas nunca vistos desde a fundação do mundo, ensinos  extraordinários que vêm impressionando a humanidade nesses 2.000 anos de Cristianismo, trazendo-nos uma mensagem de perdão e de amor. Não há razão para recusarmos o evangelho ou duvidar do Senhor JESUS. Ele tem o testemunho da lei e dos profetas (Rm 3.21). A Bíblia declara: "A este dão testemunho todos os profetas, de que todos os que nele crêem receberão o  perdão dos pecados pelo seu nome" (At 10.43).
Jonas, uma figura de CRISTO
Ambos foram enviados aos gentios, eram galileus e por três dias e três noites ficaram nas profundezas; Jonas, no ventre do grande peixe; JESUS no seioda terra (Mt 12.40). Tais semelhanças servem para mostrar que Jonas  é 
a figura de CRISTO no Antigo Testa­ mento. Ali estava o prenúncio da salvação dos gentios. A redenção destes estava no plano de DEUS antes da fundação mundo (Ap 13.8); não foi uma  improvisação de última hora feita por JESUS. Os profetas falaram dessa salvação ( Pe  1.10-12).
O Messias, objeto da expectativa dos profetas do Antigo Testamento, é o CRISTO do Novo Testamento. O trabalho missionário, iniciado por Jonas,continuou com os apóstolos, cabendo-nos a tarefa de expandi-lo até aos confins da terra. Hoje somos frutos de missões e devemos fazer missões; há ainda milhões que estão perecendo sem o conhecimento do evangelho.
JESUS, o missionário por excelência, não só cumpriu sua grandiosa missão salvífica, assumindo a cruz no lugar de toda a humanidade, como também organizou um movimento missionário evangelizador: selecionou, instruiu e treinou discípulos; especificou-lhes a tarefa de testemunhar em  todo  o mundo; instituiu a lgreja e enviou o ESPÍRITO SANTO
O Senhor JESUS CRISTO ofereceu-nos o perfeito exemplo de missionário. Cumpre-nos imitá-Lo, se quisermos ser testemunhas eficientes.
 
O ENVIADO  DO PAI
1. Missionário.
O conceito de "missão" no contexto bíblico teológico é "enviar" e vem da palavra grega apostolas. Esse vocábulo é usado no Novo Testamento para designar os doze apóstolos: "e escolheu doze deles, a quem deu o nome de apóstolos" (Lc 6.13). É também usado para os enviados como embaixadores ou missionários da Igreja ( 2 Co 8.23; Fp 2.25). A Igreja Ortodoxa Grega desde o princípio usava o vocábulo apostolas para designar seus missionários.  os nossos termos lingüísticos "missão" e "missionário" vem do latim "mitto", que quer dizer enviar, mandar.
2. O enviado de DEUS. 
JESUS é chamado de apóstolos no Novo Testamento grego: "Considerai a JESUS CRISTO, apóstolo e sumo sacerdote da nossa confissão" (Hb 3.1). DEUS enviou o seu Filho ao mundo (v.17), o Filho enviou seus discípulos ao mundo (Jo 20.21), o Pai e o Filho enviaram o ESPÍRITO SANTO para dar poder à Igreja em sua missão de buscar os perdidos da terra (Lc 24.49; At 1.8). A Bíblia diz que JESUS veio ao mundo para salvar os pecadores (1Tm 1.15). Essa, portanto, foi a missão na terra do missionário por excelência.
3.JESUS é singular.
Basta uma lida nos Evangelhos para deixar qualquer um perplexo. A perfeição e a singularidade que encontramos na vida e ministério de JESUS são algonunca visto na história. Não procurava status e associava-se com os pecadores: publicanos e prostitutas (Mt 11.19; 21.31,32);  embora  santo, perfeito e impecável, foi submetido aos nossos sofrimentos e provações. Rompeu barreiras geográficas, culturais, étnicas e religiosas ( Me 7.24-27; Jo 4.9). Eis o modelo de missionário: JESUS é de todos e para todos; é o único Salvador do mundo; é dever nosso levar o seu nome para as nações (Lc 24.47; At 1.8).
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares
 
Referências Bibliográficas (outras estão acima)
Dicionário Bíblico Wycliffe. 4.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2009.
Bíblia de estudo - Aplicação Pessoal.
Bíblia de Estudo Almeida. Revista e Atualizada. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006.
Bíblia de Estudo Palavras-Chave Hebraico e Grego. Texto bíblico Almeida Revista e Corrigida.
Bíblia de Estudo Pentecostal. Traduzida em português por João Ferreira de Almeida, com referências e algumas variantes. Revista e Corrigida, Edição de 1995, Flórida- EUA: CPAD, 1999.
BÍBLIA ILUMINA EM CD - BÍBLIA de Estudo NVI EM CD - BÍBLIA Thompson EM CD.
CPAD - http://www.cpad.com.br/ - Bíblias, CD'S, DVD'S, Livros e Revistas. BEP - Bíblia de Estudos Pentecostal.
VÍDEOS da EBD na TV, DE LIÇÃO INCLUSIVE - http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm
www.ebdweb.com.br - www.escoladominical.net - www.gospelbook.net - www.portalebd.org.br/
http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/alianca.htm
Dicionário Vine antigo e novo testamentos - CPAD
Manual Bíblico Entendendo a Bíblia, CPAD
Dicionário de Referências Bíblicas, CPAD
Hermenêutica Fácil e descomplicada, CPAD
Revistas antigas - CPAD
Silva, Antonio Gilberto da, 1929- A Prática do evangelismo pessoal / Antonio Gilberto da Silva. - Rio de Janeiro : Casa Publicadora das Assembléias de DEUS, 1983.
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares