SEJÁ VOCÊ TAMBÉM UM SEGUIDOR

Google+ Followers

09 julho 2016

Lição 2, DEUS , o Primeiro Evangelista 3º Trimestre de 2016 - Título: O desafio da evangelização — Obedecendo o ide do Senhor JESUS de levar as Boas-Novas a toda criatura

Comentarista: Claudionor de Andrade 
Complementos, ilustrações, questionários e vídeos: Ev. Luiz Henrique de Almeida Silva
NÃO DEIXE DE ASSISTIR AOS VÍDEOS DA LIÇÃO ONDE TEMOS MAPAS, FIGURAS, IMAGENS E EXPLICAÇÕES DETALHADAS DA LIÇÃO
http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm
AQUI VOCÊ VÊ PONTOS DIFÍCEIS DA LIÇÃO - POLÊMICOS
 
TEXTO ÁUREO"Ora, tendo a Escritura previsto que DEUS
 havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti." (Gl 3.8)

VERDADE PRÁTICADEUS, que deu início ao trabalho de evangelização, exige de cada um de nós uma atitude evangelística responsável e amorosa.

LEITURA DIÁRIA
Segunda - Gn 3.15 DEUS  anuncia a sua admirável redenção a Adão
Terça - Gn 6.18 DEUS proclama a maravilhosa salvação a Noé
Quarta - Gn 12.1,2 DEUS prega o Evangelho ao patriarca Abraão
Quinta - 2 Sm 7.16 DEUS promete o Messias à casa do amado rei Davi
Sexta - Is 7.14 DEUS revela de forma maravilhosa a concepção virginal do Messias
Sábado - Lc 2.10,11 Os anjos de DEUS noticiam o nascimento de CRISTO

 
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Gênesis 12.1-8
1 - Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. 2 - E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome, e tu serás uma bênção. 3 - E abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.
4 - Assim, partiu Abrão, como o Senhor lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos, quando saiu de Harã. 5 - E tomou Abrão a Sarai, sua mulher, e a Ló, filho de seu irmão, e toda a sua fazenda, que haviam adquirido, e as almas que lhe acresceram em Harã; e saíram para irem à terra de Canaã; e vieram à terra de Canaã.
6 - E passou Abrão por aquela terra até ao lugar de Siquém, até ao carvalho de Moré; e estavam, então, os cananeus na terra. 7 - E apareceu o Senhor a Abrão e disse: À tua semente darei esta terra. E edificou ali um altar ao Senhor, que lhe aparecera. 8 - E moveu-se dali para a montanha à banda do oriente de Betel e armou a sua tenda, tendo Betel ao ocidente e Ai ao oriente; e edificou ali um altar ao SENHOR e invocou o nome do SENHOR.
 
OBJETIVO GERAL - Saber que DEUS exige de cada crente uma atitude evangelística responsável e amorosa
 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Explicar que na chamada de Abraão tem início o Evangelho de JESUS CRISTO
Mostrar que a Bíblia é um livro essencialmente evangélico.
Saber que Israel, como povo escolhido do Senhor, deveria ter executado o trabalho de DEUS
 
INTERAGINDO COM O PROFESSOR
Professor, na lição de hoje estudaremos acerca da chamada do patriarca Abraão. Ele ouviu a voz de DEUS e saiu, pela fé, da sua terra, do meio da sua parentela para uma terra que DEUS haveria de lhe mostrar. DEUS
 chamou Abraão para uma missão especial, e ele obedeceu ao chamado. O Todo-Poderoso não queria trazer privilégio e favores para Abraão e seus descendentes. O propósito era, a partir dele e dos seus descendentes, preparar o mundo para a chegada do Messias. DEUS amou a humanidade perdida de tal maneira que não mediu esforços para anunciar as Boas-Novas. Como filhos de DEUS, não podemos ficar insensíveis, indiferentes diante dos milhares que ainda não ouviram nada ou quase nada a respeito do evangelho de JESUS CRISTO. No decorrer da lição, ressalte que a evangelização dos pecadores não é uma opção do crente, mas é uma ordenança de CRISTO para a Igreja (Mc 16.15).
 
PONTO CENTRAL - DEUS exige de cada um de nós uma atitude evangelística responsável e amorosa.
 
Resumo da Lição 2, DEUS, o Primeiro Evangelista
I - A CHAMADA DE ABRAÃO
1. Abrão, o caldeu.
2. Abraão, o evangelizado.
3. O evangelista Abraão.
II - A PALAVRA DE DEUS É EVANGÉLICA
1. A Lei de Moisés é evangélica.
2. A história de Israel é evangélica.
3. A poesia de Israel é evangélica.
4. Os profetas são evangélicos.
III - EXECUTANDO O TRABALHO DE DEUS
1. Israel e a evangelização mundial.
2. A missão intransferível da Igreja.
 
SÍNTESE DO TÓPICO I - DEUS chamou Abraão e seus descendentes para anunciarem as virtudes do Altíssimo.
SÍNTESE DO TÓPICO II - A Bíblia é o livro de DEUS, que demonstra que JESUS é o CRISTO prometido pelo Pai.
SÍNTESE DO TÓPICO III - Israel, como povo escolhido, deveria executar o trabalho de DEUS entre as nações.
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top1"O primeiro punhado de promessas feitas a Abraão, que na ocasião talvez ainda tivesse em Ur dos caldeus, inclui uma promessa ao mundo. Realmente, essa é a promessa mais plena de todas. É ótimo receber uma bênção, mas é melhor ainda conceder uma bênção. Dessa forma, é assegurado a Abraão que 'em ti serão abençoadas todas as famílias da terra' (Gn 12.3). Essa promessa e garantia são repetidas em Gênesis 18.19; 22.19 (cf. At 3.25; Gl 3.8).
Pouca diferença faz se aceitamos a tradução acima ou a leitura sugerida: 'por ti todas as famílias da terra serão abençoadas'. A diferença trata-se apenas de metodologia, não de princípios.
O fator importante e principal é que o chamado de Abraão não se trata de favoritismo pessoal de um deus particularista para estabelecer uma religião local em prática e desígnio. Ele origina-se no DEUS de glória e é designado pelo bem-estar da humanidade. Assim como DEUS não chama seu ministro para o bem do ministro, mas para o bem da consagração, da comunidade e do mundo, Ele não chamou Abraão pelo bem de Abraão. O mundo estava à vista, e a humanidade era o objetivo, qualquer que fosse a metodologia. Essa promessa, com seu desígnio de intenção universal, foi transferida no devido tempo aos patriarcas, Isaque (Gn 26.4) e Jacó (Gn 28.14). De uma forma um tanto diferente, tanto enriquecida quanto mais específica, Judá a herdou de Jacó (49.10) e tornou-se o portador do bastão de comando de Israel, embora Levi tenha sido escolhido para o sacerdócio. Assim não há enfraquecimento de universalidade no período patriarcal. O desígnio e a intenção de DEUS lhe são declarados enfaticamente" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2000, pp. 134,135).
 
CONHEÇA MAIS top1
*Abraão - "Abraão iniciou sua vida em Ur dos Caldeus, na Mesopotâmia. Dali, Tera, seu pai, mudou-se com a família para Harã. Tanto Ur como Harã eram centros de adoração da lua. O nome de seu pai, Tera, provavelmente significava 'Ter é (o divino) irmão'. Acredita-se que 'Ter' seja uma variação dialética para o deus lua e era especialmente popular no distrito de Harã como foi confirmado pelos registros assírios. Mas Abraão foi convocado pela voz de DEUS a deixar o seu cenário pagão, para ir a uma terra divinamente prometida à sua semente. Após sua chegada à Palestina, Abraão passou muitos dias principalmente nas proximidades de três centros no sul, Betel, Hebrom (Manre) e Berseba". Para conhecer mais, leia Dicionário Bíblico Wycliffe, CPAD, p. 11.
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top2"A fase mosaica enriqueceu a religião dos israelitas de muitas maneiras, tornando-a uma religião de redenção milagrosa, monoteísmo positivo, consagração devotada, ética dinâmica, fé responsável, amor e obediência, culto organizado, lei em comum e uma grande esperança. Embora ela não acrescentasse muitas referências à universalidade, enfatizava o caráter inclusivo no prelúdio memorável que precede a inauguração de Israel como uma nação, a realização do Decálogo e do pacto. Se esse prelúdio fosse devidamente compreendido, ele teria uma importância revolucionária e renovadora para Israel ao conceder significado, propósito e sentido à sua história" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 20000, p. 135).
 
SUBSÍDIO TEOLÓGICO top3
"DEUS refere-se três vezes a Israel como 'minhas testemunhas' (Is 43.10,12; 44.8). A verdadeira questão é: uma testemunha de quem? O Senhor declara explicitamente: 'O povo que formei para mim proclamará meus louvores' (43.21). Proclamar seus louvores para quem? O versículo 9 nos dá a orientação: 'Que todas as nações se unam ao mesmo tempo, que se reúnam os povos'. Esse é o público de Israel. Essa é a sua missão!Esse conceito de serviço não é enfraquecido pelo fato de que quatro canções servis dedicadas a esse 'Servo ideal' de DEUS que é o próprio CRISTO
. O serviço de Israel é estabelecido claramente. Israel tem uma missão a cumprir, um serviço a ser feito. As palavras de Paulo ecoam o verdadeiro chamado de Israel no Antigo Testamento: 'Eu sou devedor, tanto a gregos como a bárbaros, tanto a sábios como a ignorantes' (Rm 1.14). O fato de Israel não ter reconhecido essa posição de serviço e não ter servido à humanidade não elimina o ideal do Antigo Testamento para com a nação, e o chamado da mesma.Se mantivermos na mente essa dupla posição e relação de Israel, grande parte das Escrituras ganhará uma nova perspectiva e significado mais profundo. Israel nunca deixa de ser o povo de DEUS, a nação do Senhor, embora, devido ao fracasso, ela seja temporariamente como serva de DEUS. Ela permanece desqualificada até que o genuíno arrependimento a restaure novamente. Tal restauração é prometida pela graça de DEUS e exigida pela justiça e fidelidade de DEUS" (PETERS, George W. Teologia Bíblica de Missões. 1ed. Rio de Janeiro: CPAD, 20000, pp. 137,138).
 
PARA REFLETIR - A respeito de DEUS, o primeiro evangelista, responda:
Por que DEUS anunciou o Evangelho primeiro a Abraão?
Porque, a partir da chamada de Abraão, o povo hebreu passou a viver como o povo escolhido de DEUS para anunciar às nações as virtudes do Altíssimo, conforme atestam as Escrituras Sagradas.
Qual a missão de Israel no âmbito da redenção da humanidade?
Proclamar o Salvador às nações.
Qual a contribuição de Israel à evangelização?
Os israelitas contribuíram para a evangelização do mundo porque deles vêm os patriarcas, a Lei de Moisés, os pactos, os profetas, as Escrituras e o próprio CRISTO (Rm 9.1-5).
Por que a missão evangelizadora da Igreja é intransferível?
Porque por meio da igreja, a Palavra de DEUS vem alcançando os confins da terra.
Você tem evangelizado com zelo e amor?
Resposta pessoal.
 
CONSULTE
Revista Ensinador Cristão - CPAD, nº 67, p. 37.
 
Comentários de vários autores com alguma modificações do Ev. Luiz Henrique
Pontos difíceis e polêmicos discutidos durante a semana em nossos grupos de discussão no WhatsApp (minhas conclusões)
Na lição de hoje vemos, através de Abraão, o inicio do plano de salvação projetado por DEUS e colocado em prática pela chamada de um homem que traria a existência o salvador do mundo como homem, JESUS CRISTO, seu descendente. GÁLATAS cap. 3·16 Ora, a Abraão e a seu descendente foram feitas as promessas; não diz: E a seus descendentes, como falando de muitos, mas como de um só: E a teu descendente, que é CRISTO.
 
Abraão seria a partir de então o primeiro evangelista já que tinha a fé que DEUS desejava que o homem tivesse, a fé em suas promessas, mesmo que fossem promessas impossíveis de serem cumpridas humanamente. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão. Gálatas 3:9;Sabei, pois, que os que são da fé são filhos de Abraão. Gálatas3:7
Portanto, é pela fé, para que seja segundo a graça, a fim de que a promessa seja firme a toda a posteridade, não somente à que é da lei, mas também à que é da fé que teve Abraão, o qual é pai de todos nós, Romanos 4:16
E aconteceu depois destas coisas, que provou Deus a Abraão, e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. Gênesis 22:1
Porque a promessa de que havia de ser herdeiro do mundo não foi feita pela lei a Abraão, ou à sua posteridade, mas pela justiça da fé. Romanos 4:13
Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. Gálatas 3:8
Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo, e para que pela fé nós recebamos a promessa do Espírito. Gálatas 3:14
Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, indo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia. Hebreus 11:8
Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. Hebreus 11:17
Vem, pois, esta bem-aventurança sobre a circuncisão somente, ou também sobre a incircuncisão? Porque dizemos que a fé foi imputada como justiça a Abraão. Romanos 4:9
 
ABRAÃO TERIA QUE TER FÉ EM UM FUTURO DISTANTE  (MAIS DE 2000 ANOS PARA O FUTURO), ENQUANTO QUE NÓS TEMOS QUE TER O MESMO TIPO DE FÉ EM UM PASSADO DISTANTE (MAIS DE 2000 ANOS ATRÁS)
HEBREUS cap. 11-6 Ora, sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.
 
A Bíblia não foi escrita para provar que DEUS existe, mas foi escrita para que pudéssemos ouvir DEUS nos mostrando como nos chegar a ELE, apresentando a nós o seu filho JESUS CRISTO como único caminho de salvação. Portanto a Bíblia é um livro totalmente evangélico, um manual de evangelismo teórico, tanto quanto nos mostrando a prática de evangelização dos povos.
 
Temos alguns vislumbres do evangelho antes de Abraão, mas nada tão claro quanto a partir da chamada de Abraão.
 
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares
O Cristianismo é a primeira religião proselitista e missionária da história, pois o evangelho não é uma mensagem alternativa, é única e exclusiva.JESUS afirmou que  é uma questão de vida ou morte  (]o 17.3). No Antigo Testamento, missões era um projeto ainda não colocado em prática. O profeta Jonas, como missionário, era uma figura de CRISTO. O Novo Testamento tornou explícito o que dantes estava implícito no Antigo.
O Senhor JESUSO Senhor JESUS apresentou suas credenciais de Messias: sinais e maravilhas nunca vistos desde a fundação do mundo, ensinos  extraordinários que vêm impressionando a humanidade nesses 2.000 anos de Cristianismo, trazendo-nos uma mensagem de perdão e de amor. Não há razão para recusarmos o evangelho ou duvidar do Senhor JESUS. Ele tem o testemunho da lei e dos profetas (Rm 3.21). A Bíblia declara: "A este dão testemunho todos os profetas, de que todos os que nele crêem receberão o  perdão dos pecados pelo seu nome" (At 10.43).
Jonas, uma figura de CRISTO
Ambos foram enviados aos gentios, eram galileus e por três dias e três noites ficaram nas profundezas; Jonas, no ventre do grande peixe; JESUS no seioda terra (Mt 12.40). Tais semelhanças servem para mostrar que Jonas  é 
a figura de CRISTO no Antigo Testa­ mento. Ali estava o prenúncio da salvação dos gentios. A redenção destes estava no plano de DEUS antes da fundação mundo (Ap 13.8); não foi uma  improvisação de última hora feita por JESUS. Os profetas falaram dessa salvação ( Pe  1.10-12).
O Messias, objeto da expectativa dos profetas do Antigo Testamento, é o CRISTO do Novo Testamento. O trabalho missionário, iniciado por Jonas,continuou com os apóstolos, cabendo-nos a tarefa de expandi-lo até aos confins da terra. Hoje somos frutos de missões e devemos fazer missões; há ainda milhões que estão perecendo sem o conhecimento do evangelho.
JESUS, o missionário por excelência, não só cumpriu sua grandiosa missão salvífica, assumindo a cruz no lugar de toda a humanidade, como também organizou um movimento missionário evangelizador: selecionou, instruiu e treinou discípulos; especificou-lhes a tarefa de testemunhar em  todo  o mundo; instituiu a lgreja e enviou o ESPÍRITO SANTO
O Senhor JESUS CRISTO ofereceu-nos o perfeito exemplo de missionário. Cumpre-nos imitá-Lo, se quisermos ser testemunhas eficientes.
 
O ENVIADO  DO PAI
1. Missionário.
O conceito de "missão" no contexto bíblico teológico é "enviar" e vem da palavra grega apostolas. Esse vocábulo é usado no Novo Testamento para designar os doze apóstolos: "e escolheu doze deles, a quem deu o nome de apóstolos" (Lc 6.13). É também usado para os enviados como embaixadores ou missionários da Igreja ( 2 Co 8.23; Fp 2.25). A Igreja Ortodoxa Grega desde o princípio usava o vocábulo apostolas para designar seus missionários.  os nossos termos lingüísticos "missão" e "missionário" vem do latim "mitto", que quer dizer enviar, mandar.
2. O enviado de DEUS. 
JESUS é chamado de apóstolos no Novo Testamento grego: "Considerai a JESUS CRISTO, apóstolo e sumo sacerdote da nossa confissão" (Hb 3.1). DEUS enviou o seu Filho ao mundo (v.17), o Filho enviou seus discípulos ao mundo (Jo 20.21), o Pai e o Filho enviaram o ESPÍRITO SANTO para dar poder à Igreja em sua missão de buscar os perdidos da terra (Lc 24.49; At 1.8). A Bíblia diz que JESUS veio ao mundo para salvar os pecadores (1Tm 1.15). Essa, portanto, foi a missão na terra do missionário por excelência.
3.JESUS é singular.
Basta uma lida nos Evangelhos para deixar qualquer um perplexo. A perfeição e a singularidade que encontramos na vida e ministério de JESUS são algonunca visto na história. Não procurava status e associava-se com os pecadores: publicanos e prostitutas (Mt 11.19; 21.31,32);  embora  santo, perfeito e impecável, foi submetido aos nossos sofrimentos e provações. Rompeu barreiras geográficas, culturais, étnicas e religiosas ( Me 7.24-27; Jo 4.9). Eis o modelo de missionário: JESUS é de todos e para todos; é o único Salvador do mundo; é dever nosso levar o seu nome para as nações (Lc 24.47; At 1.8).
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares
 
Referências Bibliográficas (outras estão acima)
Dicionário Bíblico Wycliffe. 4.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2009.
Bíblia de estudo - Aplicação Pessoal.
Bíblia de Estudo Almeida. Revista e Atualizada. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, 2006.
Bíblia de Estudo Palavras-Chave Hebraico e Grego. Texto bíblico Almeida Revista e Corrigida.
Bíblia de Estudo Pentecostal. Traduzida em português por João Ferreira de Almeida, com referências e algumas variantes. Revista e Corrigida, Edição de 1995, Flórida- EUA: CPAD, 1999.
BÍBLIA ILUMINA EM CD - BÍBLIA de Estudo NVI EM CD - BÍBLIA Thompson EM CD.
CPAD - http://www.cpad.com.br/ - Bíblias, CD'S, DVD'S, Livros e Revistas. BEP - Bíblia de Estudos Pentecostal.
VÍDEOS da EBD na TV, DE LIÇÃO INCLUSIVE - http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm
www.ebdweb.com.br - www.escoladominical.net - www.gospelbook.net - www.portalebd.org.br/
http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/alianca.htm
Dicionário Vine antigo e novo testamentos - CPAD
Manual Bíblico Entendendo a Bíblia, CPAD
Dicionário de Referências Bíblicas, CPAD
Hermenêutica Fácil e descomplicada, CPAD
Revistas antigas - CPAD
Silva, Antonio Gilberto da, 1929- A Prática do evangelismo pessoal / Antonio Gilberto da Silva. - Rio de Janeiro : Casa Publicadora das Assembléias de DEUS, 1983.
Lições Bíblicas - 2000 - 3º Trimestre - Evangelismo e Missões - CPAD - Comentarista - Esequias Soares

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AS 10 MAIS VISITADAS